Empresário gaúcho está confiante em alta da produção do RS

O otimismo do empresário industrial é alto e a expectativa pode contribuir no crescimento do setor produtivo do Rio Grande do Sul nos próximos meses. Este mês, a confiança do empresário gaúcho registrou 64 pontos no ICEI, índice que mede o ‘humor’ dos industriais. Nos últimos quatro meses, e mesmo diante de números negativos da produção, a confiança dos empresários industriais do estado cresceu 10 pontos. Os dados são da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul – FIERGS

O bom humor dos empresários é reflexo da expectativa positiva de crescimento do PIB brasileiro este ano. A possibilidade de ganhos futuros é indicador de possível aumento de investimentos no setor, como explica William Baghdassarian, professor de economia do Ibmec. 

“O que a gente tem observado é uma retomada da atividade econômica bem mais intensa do esperado. Isso levou a revisão das projeções do PIB brasileiro para 2021, que já demonstram crescimento de algo próximo a 5%. O empresário industrial fica mais confiante em realizar investimentos”, explica. 

Em maio, o Rio Grande do Sul registrou queda na produção das indústrias de 1,6% e o resultado fechou ciclo de três meses consecutivos com números baixos no estado. 

No Brasil 

O ICEI nacional, calculado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), está em 62 pontos, aumento de 0,3 ponto em julho, em comparação com junho. É o terceiro aumento consecutivo no índice que acumula alta de 8,3 pontos, desde maio. A confiança do empresário industrial é a maior dos últimos 11 anos para o mês de julho, no País. 

Indústria: apesar de quedas em maio, vacinação contra a Covid-19 impulsiona setor

Integrantes da Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados entendem que o otimismo do empresário industrial é importante para o crescimento econômico nos estados. Mas, pondera ao lembrar que o atual ‘ambiente político’ não está colaborando com o crescimento da economia.   

“A confiança do empresário é fundamental para que os investimentos sejam feitos. A questão é que o ambiente político do Brasil precisa evoluir para a confiança ser concreta”, alerta Jerônimo Goergen, deputado federal do Progressistas, do Rio Grande do Sul.     
 

Foto: Arquivo Agência BrasilFoto: Arquivo Agência Brasil