Embaixador chinês explica diferença entre serviços de saúde dos EUA e do país asiático: ‘tudo é gratuito na China’


– O embaixador da China no Brasil Yang Wanming destacou no Twitter o acesso a um serviço de saúde gratuito no país asiático, que rapidamente se recuperou dos efeitos econômicos da pandemia. Wanming também reforçou que em outros países o paciente precisa pagar para ser tratado. 

“Dê um exemplo para explicar a diferença entre os sistemas sociais dos EUA e da China: em um caso, a paciente de UTI com coronavírus nos EUA pagou $ 2,85 milhões ao receber alta. Por outro lado, tudo é gratuito na China, todas as despesas são pagas pelo Estado e a vacinação tmb”, escreveu ele no Twitter.

Os dois países vivem em guerra comercial. A China é a segunda maior potência econômica, atrás do Estados Unidos, e é o maior parceiro comercial do Brasil, que, sob o governo Bolsonaro, hostilizou várias vezes o país asiático em prol de uma submissão ao ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump.


Leia mais

Leia também