EDP Espírito Santo é eleita a melhor empresa no segmento de energia e utilities

A EDP, distribuidora de energia
elétrica do Espírito Santo, foi eleita a melhor empresa de Energia e Utilities
pelo 22º Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente no
segmento Energia Elétrica. Em 2021, a premiação reconheceu os destaques da
evolução ágil e inédita no atendimento ao consumidor. A entrega ocorreu na
terça (29).

A premiação é realizada pela
revista Consumidor Moderno, em parceria com o Centro de Inteligência Padrão
(CIP) e com a OnYou – uma das mais gabaritadas empresas em auditoria de
qualidade do País. Em 2021, o Prêmio Consumidor Moderno analisou, dentre outros
critérios, a forma de se comunicar com o cliente e servi-lo. A transformação
acelerada pela pandemia agregou valor àquelas empresas capazes de seguir
próximas e conquistar a confiança dos clientes.

As empresas premiadas passam por
um extenso estudo de todo o ecossistema de atendimento e prestação de serviços
aos seus clientes. A metodologia avalia ainda, através do Cliente Oculto, os
principais canais de contato e relacionamento de cada empresa com os seus
consumidores, bem como o desempenho de segmentos do mercado.

“Estamos muito contentes pelo
reconhecimento do prêmio Consumidor Moderno. O cliente é a nossa razão de ser
nesse sentido temos implementado diversas soluções e tecnologias para melhorar
a proximidade e facilidade de contato com a empresa. A premiação demonstra que
a nossa jornada vem ocorrendo na direção certa, o que nos dá confiança para
continuarmos neste caminho de maior simplicidade, digitalização e proximidade
com o cliente”, destaca João Brito Martins, vice-presidente de distribuição da
EDP no Brasil.

Entre 2016 e 2020, a companhia
investiu cerca de R$ 1,5 bilhão no Espírito Santo. A oferta de canais digitais
e comodidade aos clientes foi ampliada, bem como houve melhorias significativas
na rede de distribuição no Estado.  Atualmente,
75% dos atendimentos da EDP já acontecem de forma online. A digitalização pode
ser percebida, por exemplo, em atendimentos por videochat, aplicativo para
smartphone e WhatsApp. A tecnologia também é aplicada para o pagamento de
faturas via débito automático, Pix e outros meios eletrônicos.

Para o ciclo de 2021 a 2025, a
EDP investirá o recorde de R$ 3 bilhões no Estado. A EDP ampliará a flexibilidade da operação, reforçará a atualização
tecnológica das redes e proteção das subestações. A empresa seguirá construindo
subestações, melhorando a confiabilidade do sistema e a segurança e qualidade
do fornecimento de energia.  Haverá ainda ampliação do projeto de redes
inteligentes, que permitem facilitar serviços como religação automática,
balanço de tensão e combate a fraudes.


Leia mais

Leia também