Edital de licitação para nova concessão do Parque Nacional do Iguaçu é publicado no Diário Oficial da União

Compartilhe

 

 

Corrida ocorre no Parque Nacional do Iguaçu — Foto: Christian Rizzi

Corrida ocorre no Parque Nacional do Iguaçu — Foto: Christian Rizzi

O edital de licitação para a nova concessão do Parque Nacional do Iguaçu foi publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira (17). A concessão será de 30 anos com valor de contrato estimado em aproximadamente R$ 2 bilhões, inclusos investimentos em melhorias como também na operação do parque.

A atual concessão venceu em novembro de 2020, mas foi prorrogada por mais um ano devido a pandemia.

O Parque Nacional do Iguaçu é uma área de conservação ambiental de 185 mil hectares que abriga as mundialmente conhecidas Cataratas do Iguaçu e uma imensa diversidade de espécies animais e vegetais. A unidade, localizada em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, recebe anualmente visitantes de diversas regiões do Brasil e do mundo.

O critério de julgamento, conforme edital, torna vencedora a concessionária que oferecer a maior projeção percentual da Receita Operacional Bruta (ROB), ou seja, a empresa que se comprometer a repassar o maior percentual da ROB ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), autarquia federal ligada ao Ministério do Meio Ambiente.

Segundo edital, será vencedora a proposta mais vantajosa considerando a prestação dos serviços públicos de apoio à visitação, revitalização, modernização, operação e manutenção dos serviços turísticos no parque, incluindo o custeio de ações de apoio à conservação, proteção e gestão da unidade de conservação.

  • PodParaná #15: Passagem de Santos Dumont muda rumo do turismo nas Cataratas do Iguaçu
  • Censo estima que 24 onças-pintadas vivam no lado brasileiro do Parque Nacional do Iguaçu
  • Com fechamento para visitas, animais exploram novas áreas do Parque Nacional do Iguaçu
  • Onça é flagrada passeando e encontrando câmera de monitoramento no Parque Nacional do Iguaçu; VÍDEO

De acordo com o documento a nova concessionária terá que fazer uma série de investimentos, em até cinco anos, como melhorias em trilhas e instalações em diversas áreas do parque.

Uma alteração em comparação ao contrato anterior é que a nova concessionária terá que utilizar 6% da receita operacional bruta em ações voltadas à educação, comunicação e interpretação ambiental. Antes o valor era de 5%.

Outra mudança em relação a concessão anterior, é que o novo edital prevê também a compra de pacotes especiais para aqueles que pretendem visitar o parque mais de um dia.

  • Audiência pública discute nova concessão do Parque Nacional do Iguaçu
  • ICMBio apresenta detalhes da nova concessão do Parque Nacional do Iguaçu em audiência pública

O ingresso para os moradores dos 14 municípios lindeiros que não poderá ter valor superior a 20% do valor total do ingresso, como também a construção do centro de memória de Santos Dumont e reforma do batalhão da polícia ambiental.

O futuro concessionário, de acordo com o edital, não poderá cobrar pelo ingresso valor além do estabelecido em contrato, que a partir do 49º mês de contrato poderá atingir valor máximo de R$ 120, conforme tabela abaixo:

  • do 1º ao 12º mês do início do contrato: R$80,00
  • do 13º ao 24º mês do início do contrato: R$90,00
  • do 25º ao 36º mês do início do contrato: R$100,00
  • do 37º ao 48º mês do início do contrato: R$110,00
  • do 49º mês do início do contrato até o final da vigência da concessão: R$120,00

Atualmente, o valor do ingresso está em R$ 104 para estrangeiros, R$ 82 para moradores de países do Mercosul, R$ 60 para brasileiros e R$ 19 para moradores das cidades vizinhas ao Parque Nacional do Iguaçu.

De acordo com o Ministério do Meio Ambiente, a licitação do parque servirá como modelo para outras unidades de conservação.

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), autarquia federal ligada ao Ministério do Meio Ambiente e responsável pela gestão e a proteção de espécies da unidade e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), informou que foram recebidas cerca de 300 contribuições para a licitação nas audiências públicas realizadas em Foz do Iguaçu e Céu Azul.

O edital foi elaborado pelo ICMBio com apoio do BNDES.

Senso mostra estabilidade no número de onças no Parque Nacional do Iguaçu. — Foto: Emílio White e Guia de Convivência Onças do Iguaçu

Senso mostra estabilidade no número de onças no Parque Nacional do Iguaçu. — Foto: Emílio White e Guia de Convivência Onças do Iguaçu

Sobre o Parque Nacional do Iguaçu

A criação do parque aconteceu no dia 10 de janeiro de 1939 por meio de um decreto do presidente Getúlio Vargas. Já em 1986, a unidade de conservação recebeu o título de Patrimônio Natural da Humanidade.

O principal atrativo do parque são as Cataratas do Iguaçu, consideradas uma das sete maravilhas da natureza desde 2011.

A unidade de conservação é um dos principais destinos turísticos do Brasil. O parque conta com uma área de 185 mil hectares de Mata Atlântica que abriga diversas espécies de plantas e animais, como a onça-pintada.

Veja mais notícias da região em g1 Oeste e Sudoeste.

Leia também

Bola rola para Copa Sesport com partidas em Nova Venécia e Domingos Martins

  A Copa Sesport teve início na noite desta quinta-feira (12), no Estádio Arthur Gerhardt Santos, em Domingos Martins,...

Coluna – Grandes equipes tiveram vida útil curta no Brasil

Desde o Carnaval o assunto mais recorrente nas redes sociais e nos grupos de torcedores do Flamengo é...

Vídeos mostram danos causados por ventania em Nova Venécia

  Uma forte ventania, seguida de chuva, atingiu o município de Nova Venécia no fim da tarde desta terça-feira (17),...

Bolsonaro discursa aos gritos, usa palavrões e diz a empresários que eleição pode ser conturbada

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou nesta segunda-feira (16) a relativizar os atos...

Meury Salles deu show de sofrência na feira gastronômica do dia 14

  No sábado, 14 de maio, aconteceu mais uma rodada da aula de zumba para inscritos no Projeto Avivar...

VITÓRIA (ES): Governo Federal repassa quase R$ 300 mil para continuidade de obras de saneamento

A cidade de Vitória (ES) vai receber cerca de R$ 300 mil do Governo Federal, por meio do...

Defesa Civil Nacional autoriza repasse de R$ 1,1 milhão a seis cidades atingidas por desastres

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), autorizou, nesta sexta-feira (13), o repasse de...

Entrega do prêmio Gari do Ano 2022 celebra trabalho árduo da categoria

Com 32 anos de serviços e prestes a se aposentar, a gari Iolanda Neves, 63 anos, fez questão...