Ecoporanga: acusado de estupro é liberado em audiência de custódia, mas Polícia Civil o prende novamente

Na noite do dia 26 de março de 2021, as polícias Militar e Civil capturaram o homem que é o principal suspeito pelo crime de estupro de duas mulheres, uma vítima de 22 e outra de 18 anos, em Ecoporanga.

Os policiais foram até a residência do acusado e lá encontraram trancada e sozinha uma criança de dois anos, que segundo ele, se trata da filha de sua mulher que havia deixado em seus cuidados. As informações são do site agitaeco.

O acusado foi encaminhado para a 14° Delegacia Regional de Polícia Civil, onde o mesmo foi atuado pelo crime de abandono de incapaz, tendo o Delegado de Polícia Civil representado pela prisão do indivíduo pela prática do estupro.

Dois dias após ser preso (28/03), o acusado teve a audiência de custódia, na cidade de Colatina, pelo abandono de incapaz, onde a justiça determinou uma fiança no valor de R$1.000,00, que foi paga e o mesmo teve a liberdade provisória, o acusado voltou para a rua.

Após ter a liberdade, mediante a fiança paga, horas depois saiu a decisão acolhendo a representação da Polícia Civil e decretando sua prisão no crime de estupro. De posse do Mandado de Prisão, na tarde desta quarta-feira (31/03), por volta das 17 horas, o delegado Dr. Leonardo Amorim com o apoio da Polícia Militar, descobriram onde o acusado estava e se deslocaram até o local. Ao chegar na casa já deram voz de prisão.

O indivíduo será encaminhado para o DPJ de Barra de São Francisco e o delegado de plantão irá tomar todas as medidas cabíveis.

Foto do dia 26 de março na primeira prisão. Foto: agitaeco

 

Leia mais

Leia também