Distanciamento social contra Covid-19 pode ser aliado também na prevenção às arboviroses

Mesmo durante as medidas de restrição e de distanciamento social devido à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), as doenças causadas pelas arboviroses, como dengue, zika e chikungunya preocupam.

“As doenças continuam independentemente da Covid-19. Continuamos com elevado número de dengue e de Chikungunya no Estado. Podemos aproveitar o tempo em casa, devido ao distanciamento social, como um facilitador para fazer vistorias na residência, eliminando possíveis criadouros”, orientou o coordenador do Programa Estadual de Combate ao Aedes Aegypt da Secretaria da Saúde, Roberto Laperriere Júnior.

A dica é “simples”, afirma o coordenador. “É manter uma rotina de limpeza semanal nos possíveis locais de reprodução do mosquito transmissor”, disse.

E para essa atividade, a Sesa disponibiliza uma lista de cuidados dentro de casa, imprima o checklist e deixe pregado em um local visível em casa como na geladeira ou atrás da porta.  Marque a data em que realizar as tarefas como limpeza da calha, vasos de plantas, caixas d’água, entre outros. Quinze minutos por semana é suficiente para realizar os cuidados.

 

Agentes de endemias

O coordenador do Programa Estadual de Combate ao Aedes Aegypt, Roberto Laperriere Júnior, lembra também a importância do trabalho dos agentes de combate às endemias, que segue acontecendo mesmo no cenário atual.

“Divulgamos uma circular aos municípios orientando as atividades dos agentes, de forma a garantir a segurança tanto deles quanto da população. O trabalho que eles desempenham, assim como o cuidado que o cidadão deve ter dentro da própria residência são fundamentais ao combate do mosquito Aedes aegypt”, informou o coordenador.

As atividades estão mantidas e respeitando os protocolos de segurança, como o uso de equipamentos de proteção individual, mantendo visita peridomiciliar (no entorno do domicílio) e o tratamento químico.

Veja aqui o 19º boletim da dengue.

Veja aqui o 19º boletim de zika.

Veja aqui o 19º boletim chikungunya.

 

Leia mais

Homem vai pedir desculpas e é agredido com barra de ferro no interior de Água Doce do Norte

Um homem com iniciais W.R.A, residente em Santo Agostinho, interior de Água Doce do Norte, relatou para algumas pessoas do distrito, no dia 28/05/2020,...

Sesa confirma 94 novos casos de coronavírus e mais um óbito no Espírito Santo

O Espírito Santo tem 557 casos confirmados do...

Sesa divulga 10° boletim da dengue, chikungunya e zika

Ele tem menos de um centímetro, possui listras pretas e brancas espalhadas pelo corpo e aparentemente...

Leia também

Governo Federal transfere R$ 15 bilhões para estados e municípios

O Ministério da Economia transfere hoje R$ 15 bilhões para estados e municípios. Os recursos fazem parte da segunda parcela dos R$ 60 bilhões do...

Células de gordura podem funcionar como reservatórios para o Coronavírus, diz estudo

Um estudo conduzido por pesquisadores da Unicamp averigua por que pessoas obesas têm mais risco de desenvolver formas graves de Covid-19, para além do...

Coronavírus será a maior causa de mortes no Espírito Santo até o fim do ano, estima Sesa

Até esta segunda-feira (13), quando já foram registrados mais de 2 mil óbitos pela Covid-19, o índice representa quase 10% do número total de...

Barra de São Francisco chega a quase 250 casos de Coronavírus com 84,7% de pessoas curadas

O município de Barra de São Francisco chegou nesta segunda-feira, 13 de julho de 2020, a 249 casos confirmados de Coronavírus. Entre os casos foram...