Dinamarca é o primeiro país da Europa a abandonar uso da vacina AstraZeneca

A Dinamarca anunciou nesta quarta-feira (14) que decidiu retirar do programa nacional de imunização a vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford. O país se tornou o primeiro da Europa a adotar a medida. A informação é do jornal O Globo.

Em comunicado, a Agência Nacional de Saúde informou que “decidiu continuar a vacinação contra a Covid-19 sem a vacina da AstraZeneca”, mas acrescentou que “não poderia descartar o uso novamente em outro momento”. Segundo as autoridades dinamarquesas, ao todo, 2,4 milhões de doses serão retiradas das unidades de saúde. O uso dos imunizantes da Pfizer e Moderna será mantido.

 

 

(Foto: REUTERS/Dado Ruvic)

Leia mais

Leia também