Dia do Movimento Municipalista reforça diálogo entre gestão e comunidade

Integrar a relação entre população e gestão municipal. É esse um dos principais objetivos das comemorações do Dia Nacional do Movimento Municipalista Brasileiro, celebrado em 23 de fevereiro desde a Lei nº 12.639, de 2012. A data reforça a importância do diálogo e da aproximação entre gestores, comunidade e diferentes Entes.

Em virtude desse dia, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) lançou a campanha Viva Seu Município. A ação tradicional contava com gabinetes do País nas ruas para estreitar os laços e comunicação com a população, mas teve que ser adaptada na pandemia e agora tem na programação transmissões ao vivo nos canais das prefeituras nas redes sociais. 

Para o presidente da CNM, Glademir Aroldi, as intervenções municipais que promovem maior transparência e diálogo são essenciais para boas gestões. “É fundamental que a população entenda os desafios enfrentados, conheça os planos de governo, especialmente neste momento tão difícil que estamos vivendo, e possa se mobilizar, juntamente com o movimento, para que possamos conseguir melhoria para os municípios e para as pessoas que vivem em cada município do Brasil”, afirma.


 

Gestores avaliam essa aproximação como o primeiro passo a ser traçado antes de definir as metas de governo, como diz Diego Sorgatto, prefeito de Luziânia (GO). “Todos que procuram no dia a dia têm acesso ao meu contato pessoal. Falo com centenas de pessoas todos os dias, porque entendo justamente que administrar é definir as prioridades conversando com a população”, define.

Mais 27 entidades municipalistas apoiam as celebrações, com a proposta de que as administrações locais marquem lives para às 11h desta terça-feira (23). Também estão previstas transmissões nas redes das entidades estaduais, às 15h, e nas plataformas da CNM, às 16h. 

Os gestores encontram ainda, no site da Confederação Nacional de Municípios, uma proposta de roteiro das ações de integração com a população. Há um passo a passo disponível informando como as prefeituras podem realizar as transmissões on-line e divulgações.
 

Divulgação/CNM

Leia mais

Leia também