Deslizamento de pedras em Capitólio deixa cinco pessoas mortas

Compartilhe

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais confirmou, na tarde deste sábado (8), que subiu para cinco o número de mortos após a queda de uma estrutura rochosa sobre lanchas na região dos Cânyons de Capitólio, a 293 km de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

O coronel Edgard Estevo confirmou que a corporação estima que 20 pessoas estão desaparecidas.

A informação sobre as vítimas mortas foi divulgada pelo tenente Pedro Aihara. A identidade não foi confirmada devido ao nível de degradação dos corpos. Segundo informações iniciais, três embarcações teriam sido atingidas.

“Esse número pode mudar, porque a gente tinha uma quantidade muito grande de embarcações naquele momento. Destas, duas afundaram e uma não afundou”, explicou.

Segundo Aihara, o Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 12h por funcionários que trabalham próximo da ponte do Turvo na região. Eles relataram que ocorreu uma cabeça-d’água na região dos cânions e que teria acontecido o rolamento de pedras e estruturas rochosas.

Ainda segundo o militar, 23 vítimas foram atendidas no Hospital Santa Casa de Capitólio e liberadas. Duas foram levadas para a Santa Casa de Piumhi com fraturas expostas.

Três estão na Santa Casa de Passos. O estado de saúde delas não foi divulgado. Outras quatro estão na Santa Casa de São José da Barra com ferimentos leves.

No fim da tarde, mais 40 bombeiros estavam empenhados na operação, que contava com mergulhadores e apoio do helicóptero da corporação.

Em nota, a Marinha informou que foram descoladas para o local do acidente equipes de salvamento para prestar apoio às vítimas atingidas pela queda da rocha.

“A DelFurnas deslocou, imediatamente, equipes de Busca e Salvamento (SAR) para o local, integrantes da Operação Verão ora em andamento, a fim de prestar o apoio necessário às tripulações envolvidas no acidente, no transporte de feridos para a Santa Casa de Capitólio e no auxílio aos outros órgãos atuando no local. Um inquérito será instaurado para apurar causas, circunstâncias do acidente/fato ocorrido”, destacou.

Leia também

28 de junho é o dia do imigrante pomerano

    O Dia Estadual do Imigrante Pomerano é comemorado no Espírito...

Caderneta Vacinal em dia

Olá, aqui é Fabi Costa, e hoje a gente vai falar sobre a importância de estar com as...

Entra em vigor portaria que reconhece adoção das boas práticas agrícolas

O mês de julho começou com uma novidade para o setor agrícola. Desde esta sexta-feira (1°) está em...

Programa Calçamento Rural já liberou 27,3 mil m² de material para pavimentação em comunidades do interior

O prefeito de Barra de São Francisco, Enivaldo dos Anjos tem conseguido, junto ao Governo do Estado, acelerar...

Prefeitura de Barra de São Francisco abre espaço com computador para quem precisa fazer inscrição no Concurso Público

  A Prefeitura de Barra de São Francisco instalou esta semana, um computador no prédio do centro da cidade,...

Amostras de café passam por avaliação no 1º Concurso do Café Conilon de Jaguaré

  O primeiro Concurso de Qualidade do Café Conilon de Jaguaré realizou nesta quinta-feira, 30, a etapa de degustação...

Corinthians fica no 0 a 0 com o Boca Juniors pela Libertadores

O Corinthians empatou sem gols com o Boca Juniors (Argentina), nesta terça-feira (28) na Neo Química Arena, em...