Desenho animado criado por médico do Espírito Santo incentiva crianças a adotarem hábitos de higiene

O Doutor Infecto foi criado no ano passado, mas a pandemia do coronavírus fez com que o desenho animado ficasse mais popular.

Por Danielle Cariello, G1 ES e TV Gazeta

Um desenho animado é algo que atrai a atenção da maioria das crianças. Muitas delas, fascinadas pelas cores, sons e histórias, acabam reproduzindo o comportamento dos personagens como forma de brincadeira. Pensando nisso, o médico infectologista Rafael Malta decidiu pensar em uma forma de entreter e, ao mesmo tempo, ensinar lições de saúde e de higiene para os pequenos. Nasceu, assim, a animação Doutor Infecto.

“A medicina, em geral, trabalha com doenças infectocontagiosas, e a maioria delas são doenças preveníveis. A gente só sabe prevenir algo que a gente conhece. Nós, que somos adultos, temos hábitos muito bem formados, mas as crianças, não. Elas ainda estão em desenvolvimento dos seus hábitos”, considerou o criador do conteúdo.

O personagem principal da animação começou a ganhar a internet com vídeos e músicas em outubro de 2019.

Aos poucos, foram surgindo vários outros integrantes, que formaram a Turminha do Doutor Infecto. Eles falam sobre os cuidados que devem ser adotados para não adquirir várias doenças, como a dengue e a gripe.

Na época, a pandemia do coronavírus ainda não havia começado. Mas, com os primeiros casos chegando ao Brasil, o Doutor Infecto passou a ser ainda mais popular.

Doutor Infecto ensina crianças a lavarem as mãos e se prevenir de doenças

“[Quando o desenho foi criado] a gente não tinha o conhecimento ainda da pandemia, e é impressionante como veio a calhar. É o vídeo de mais acesso e ensina algo tão importante neste momento para evitar a transmissão da doença. A gente fala sobre o vírus, fala sobre métodos e maneiras de se prevenir, de uma forma muito divertida, mas também com muita qualidade e arte”, disse.

A animação foi feita por uma equipe de São Paulo. Já a produção musical é é feita no Espírito Santo. Os episódios ficam disponíveis em plataformas como Youtube, Facebook e Instagram.

Para as famílias, que muitas vezes têm dificuldade de estabelecer uma rotina de higiene com as crianças, o Doutor Infecto facilitou o trabalho de educar os filhos para os bons hábitos. Foi o caso da Pollyanna Marcela Vieira, mãe do Benício, de três anos.

“É uma forma divertida de a gente ensinar os nossos filhos. Começamos a ensinar o Benício a lavar as mãozinhas com a ajuda da musiquinha do Doutor Infecto. Às vezes, a criança não quer fazer o que precisa que faça, na hora que precisa. Então, quando traz alguma coisa lúdica, quando traz a musiquinha, fica mais fácil”, considerou a mãe.

 

Leia mais

BOLETIM – SALA DE SITUAÇÃO 27/03/2020

O Governo do Estado vai repassar quase R$ 20 milhões para fortalecer as ações de enfrentamento...

Bioeconomia pode ser primeiro passo para reduzir dependência externa do Brasil, aponta estudo

Tido como um dos setores mais promissores da economia global, a bioeconomia pode ajudar o Brasil a reduzir dependência externa e a aumentar a...

Goleiro de Nova Venécia acerta com o Bahia

O Bahia anunciou nesta terça-feira (22), a contratação do goleiro veneciano, Vinícius Fávero Taquini, de 18 anos. O contrato inicial é de formação e tem...

Leia também

MP em discussão no Congresso Nacional pode aumentar volume de crédito oferecido a empresários paranaenses

A obtenção de crédito por empreendedores brasileiros tem se tornado um entrave durante a crise financeira ocasionada pela pandemia. No Paraná, segundo pesquisa do...

Leilão do saneamento básico em Alagoas deve aumentar percentual da população que recebe atendimento de coleta de esgoto

O serviço de saneamento básico deve ter um novo cenário na região metropolitana de Maceió nos próximos anos. Atualmente, segundo dados do Sistema Nacional...

Mais de 313 mil empregos foram criados em setembro

egundo o Ministério da Economia, é o melhor resultado para setembro desde que foi criado o Caged, em 1992. Foto: Wilson Dias / Agência...

Programa Vigiar SUS é lançado pelo Ministério da Saúde

Foto: Sumaia Villela / Agência Brasil Vigilância, alerta e resposta a ações para melhorar a saúde e o bem-estar da população brasileira. Para isso,...