Desafios e perspectivas econômicas na Defesa Agropecuária Animal é tema de live realizada pelo Idaf

Compartilhe

Lucratividade da pecuária, setor privado e desafios sanitários. Esses foram alguns dos temas abordados pelos participantes da live realizada, nessa quinta-feira (26), pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf).

O encontro contou com a participação do auditor fiscal federal agropecuário Ronaldo Carneiro Teixeira, que abordou a temática “Impactos econômicos das doenças e a importância da defesa sanitária animal para a lucratividade da pecuária”. De acordo com Teixeira, que atua como coordenador geral da área de Planejamento e Avaliação Zoossanitária do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), 75% das doenças dos humanos são originárias da fauna. “Cada vez mais fica evidente a importância de ações compartilhadas na gestão da saúde animal, de modo que todos os segmentos estejam comprometidos, fortalecendo as ações de vigilância como um bem público. Na pecuária, o bom desempenho da produção depende de uma gestão integrada da saúde animal, responsável pela lucratividade do negócio, seja no âmbito particular, como no coletivo, por meio da geração de emprego, renda, impostos, entre outros. Nesse sentido, a condição sanitária é básica para tornar o país cada vez mais forte no mercado internacional e viabilizar a lucratividade da produção”, explicou o fiscal federal.

O assessor técnico da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp), Thiago Rocha, trouxe a perspectiva do setor privado para a discussão. “A defesa agropecuária é imprescindível para garantir a qualidade dos produtos de origem animal e vegetal, prevenindo impactos econômicos desastrosos na ocorrência de emergências sanitárias. A qualidade sanitária do pátio produtivo é item indispensável para acessar mercados. Temos, no Brasil, um patrimônio enorme para defender e isso depende de uma coalização entre o setor privado e o serviço veterinário oficial. Também precisamos ser a ponte entre o setor público e os produtores, facilitando o acesso às informações dos dois lados e fomentando discussões sobre o setor”, disse Rocha.

Representando o Idaf, o gerente de Defesa Sanitária e Inspeção Animal, Raoni Cezana Cipriano, apresentou a estrutura do órgão e o papel do Estado no trabalho de defesa agropecuária. “Segundo dados do Governo do Espírito Santo, 33% da população economicamente ativa está no agronegócio, sendo o setor responsável por 30% do Produto Interno Bruto (PIB). Esse número demonstra a importância do segmento e a dimensão que poderia atingir em caso de intercorrências sanitárias, prejudicando, inclusive, outras atividades econômicas. Nessa perspectiva, a capilaridade do Idaf, seja por meio dos escritórios em todos os municípios ou das equipes de fiscalização – fixas e volantes – é essencial para ampliar o alcance das ações de vigilância”, destacou Cipriano.

O gerente do Idaf destacou também o grande desafio que está em andamento, com a retirada da obrigatoriedade da vacina contra febre aftosa, a partir de 2023. “Estamos no processo de suspensão de um dispositivo utilizado há anos, com isso, precisaremos fortalecer ainda mais nossos mecanismos de proteção sanitária. Assim, o trabalho conjunto entre setor produtivo e Estado torna-se ainda mais fundamental, atentando-se para a importância da notificação de ocorrência ou suspeita de doenças em animais de produção. O procedimento é essencial, uma vez que o diagnóstico rápido e a pronta reação podem impedir a disseminação e permitir o controle ou a erradicação de enfermidades, que podem causar sérios impactos na produção animal e na saúde humana”, completou.

A live foi transmitida pelo canal do Idaf no Youtube e pode ser assistida pelo endereço: https://www.youtube.com/watch?v=3M7RsbLPSsc.

 

Leia também

Governo deve impedir preços abusivos de fertilizantes, defende autor de proposta de fiscalização

Em entrevista ao portal Brasil61.com, o deputado federal Domingos Sávio (PL-MG) afirma que o governo precisa impedir preços...

Príncipe William homenageia Diana em carta no dia de seu aniversário

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O príncipe William, 40, homenageou sua mãe, a princesa Diana, em uma carta...

‘Luz na Infância’: operação contra pornografia infantil cumpre mandados em 13 estados e seis países

  Fase anterior da Operação Luz da Infância, em 2020 — Foto: IGP/Divulgação O Ministério da Justiça e Segurança Pública...

Festa de São Pedro começa nesta sexta, 1º, com concurso infantil de trajes típicos e várias atrações

A Festa de São Pedro, que acontece no terreno da rodoviária, a partir das 18h desta sexta-feira, 1º...

‘Vai contra tudo o que prego’, diz Bruno Gagliasso sobre briga com irmão

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A briga entre os irmãos Gagliasso foi um dos temas do primeiro episódio...

Profissionais da área de tecnologia se destacam no mercado de trabalho pós-pandemia

Com a pandemia da Covid-19, o mercado de trabalho passou a demandar tecnologias mais modernas e profissionais habilitados...

Governo Federal vai investir R$ 9 milhões em obras da CBTU da Grande Natal

O Governo Federal vai investir mais 9 milhões de reais para a ampliar o sistema de transporte público...

Punir a Rússia cria ameaça à existência da humanidade, diz ex-presidente Medvedev

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Dmitri Medvedev, ex-presidente da Rússia e hoje um dos aliados mais próximos de...