Cuba responsabiliza Estados Unidos pelo ataque terrorista contra sua embaixada na França


O ministro das Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez Parrilla, acusou os Estados Unidos (EUA) de um atentado terrorista contra sua embaixada na França com coquetéis molotov, informa a Telesul.

“Denunciamos um atentado terrorista com coquetéis molotov contra a nossa embaixada em Paris (…) responsabilizo o Governo dos Estados Unidos pelas suas contínuas campanhas contra o nosso país que incentivam estes comportamentos e pelos apelos à violência, com impunidade, desde o seu território”, disse Ministro das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez.

Por sua vez, o embaixador cubano na França, Elio Rodríguez, destacou a nobreza do pessoal cubano diante da agressão terrorista, que coincide com o dia da Rebelião Nacional, em homenagem ao 68º aniversário dos atentados ao Moncada e Carlos Manuel de Céspedes.

Antes do ataque à Embaixada de Cuba na França, o ministro Rodríguez denunciou os Estados Unidos por pressionar os países membros da Organização dos Estados Americanos (OEA) a intensificar os ataques contra a ilha.

Chanceler cubano Bruno Rodríguez

Chanceler cubano Bruno Rodríguez (Foto: Prensa Latina)