Criminosos matam gado e fazem família refém por 10 horas no Espírito Santo

 

Uma família ficou 10 horas refém de criminosos enquanto eles abatiam quatro vacas e um boi na noite de terça-feira (4) em um sítio de Cariacica, na Grande Vitória. A informação é de André Falcão, da TV Gazeta.

As vítimas foram agredidas durante o assalto e também mataram o cachorro da família.

Os bandidos chegaram armados ao sítio, localizado entre os bairros Novo Brasil e Bubu, no final da tarde. O caseiro e toda a família dele foram rendidos, totalizando sete vítimas.

O último a ser rendido foi o filho mais novo do caseiro, um jovem de 17 anos. Ele foi amarrado e agredido pelos assaltantes.

Também estavam entre os reféns duas crianças de dois e cinco anos de idade. A família inteira foi colocada na sala da casa, onde permaneceu até a madrugada desta quarta (5).

As vítimas contaram que durante o tempo que ficaram no sítio, os bandidos usaram um machado pra cortar os animais e um carrinho de mão para carregar a carne. Eles não conseguiram levar tudo, deixando parte dos animais abatidos para trás.

Além da carne, foram levadas galinhas, telefones dos reféns, micro-ondas e equipamentos do sítio. Nem mesmo o cachorro que vivia no sítio escapou da violência e acabou sendo morto.

A Polícia Militar foi avisada somente no início da manhã desta quarta, quando as vítimas conseguiram pedir por ajuda. O caso será investigado pela Polícia Civil.

 

Bandidos usaram um machado para abater o gado do sítio durante o assalto no ES

Bandidos usaram um machado para abater o gado do sítio durante o assalto no ES

Assaltantes chegaram ao sítio no final da tarde de terça-feira (4)

Assaltantes chegaram ao sítio no final da tarde de terça-feira (4)

 


Leia mais

Leia também