CPI da Pandemia: aprovada convocação de ministros da Saúde do governo Bolsonaro

Na segunda reunião da CPI da Pandemia, que aconteceu nesta quinta-feira (29), a comissão parlamentar aprovou a convocação do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e dos três ex-ministros da pasta Luiz Henrique Mandetta, Nelson Teich e Eduardo Pazuello.

Na próxima terça-feira, 4 de maio, serão ouvidos Mandetta e Teich. Na quarta-feira (5), será a vez de Pazuello. Já o depoimento do atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, ficou marcada para a quinta-feira (6). No mesmo dia também será colhido o depoimento de Antônio Barra Torres, diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Novas unidades de medicamentos de intubação serão distribuídas pelo Ministério da Saúde

Na mesma reunião, a comissão também aprovou os requerimentos de informação propostos pelo relator, Renan Calheiros (MDB-AL). Entre eles, está um pedido sobre dados relacionados a um aplicativo do Ministério da Saúde que recomendava o uso de cloroquina. A CPI também aprovou pedido de informação sobre a crise sanitária no Amazonas. 

Jefferson Rudy/Agência SenadoJefferson Rudy/Agência Senado

Leia mais

Leia também