COVID-19: Ministério da Saúde declara oficialmente fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional

Compartilhe

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, assinou nesta sexta-feira (22) uma portaria que declara oficialmente o fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin) causada da pandemia da Covid-19. A determinação entrará em vigor 30 dias após a publicação no Diário Oficial da União, o que deve ocorrer ainda hoje.  

O estado de Emergência de Saúde Pública de Importância Nacional por conta da Covid-19 passou a valer em fevereiro de 2020. A partir dos termos da norma, os governos federal, estaduais e municipais adotaram uma série de medidas. Entre elas, o uso obrigatório de máscaras e a autorização emergencial para vacinas.

“Sei que os secretários de estados e municípios pediram tempo maior. Não vejo muita dificuldade para que secretarias estaduais e municipais se adequem ao que já existe na prática. Porque o ato normativo só vem ratificar o que já existe na prática. Como falar de emergência sanitária se hoje está acontecendo carnaval em várias cidades do Brasil?”, destacou o ministro

A estimativa do Ministério da Saúde<\/a> é que, com o fim da emergência em saúde pública no Brasil, cerca de duas mil normas caiam em todo o país, como a possibilidade de comprar medicamentos e insumos médicos sem licitação. Entre as medidas que poderão ser afetadas a partir da decisão está o uso obrigatório de máscara.

O que muda com a portaria?

De acordo com o ministro Marcelo Queiroga, na prática, não haverá muitas mudanças na rotina de combate à Covid-19. No entanto, a medida retira parte da autonomia de prefeitos e governadores durante a pandemia.

“Não muda muita coisa já que a principal política foi a vacina. Outras ações, como a atenção primária na saúde, que foi reforçada, ela não irá diminuir. O que muda é essa questão de se restringir as liberdades individuais à mercê da opinião de um gestor municipal. Isso cria mais divergência do que uma situação efetiva de combate à situação pandêmica no Brasil”, disse. 

COVID-19: Mesmo com fim de emergência em saúde, pesquisadores defendem necessidade de transição para o fim da epidemia<\/a>

Anorexia: o que é e quais são as características<\/a>

Morango em produção integrada promove o desenvolvimento sustentável, revela MAPA<\/a>

Em meio ao movimento para flexibilizar medidas pelo fim da emergência, o Ministério da Saúde enviou propostas à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para que nenhuma estratégia seja prejudicada.

Entre elas, está a solicitação para manutenção de autorização de uso emergencial dos insumos, como vacinas contra Covid-19. Também houve pedido de prioridade na análise de solicitações de registros e manutenção da testagem rápida nas farmácias.

Na última segunda-feira (18), a Anvisa informou que está revisando a vigência dos atos editados em resposta à pandemia e que a prorrogação do prazo depende de aprovação da Diretoria Colegiada da agência.
 

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Foto: Antonio Cruz/Agência BrasilMinistro da Saúde, Marcelo Queiroga. Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Leia também

Acusado de dupla tentativa de homicídio no Espírito Santo é preso no Sul de Minas

Um homem de 26 anos, acusado de dupla tentativa de homicídio no Estado do Espírito Santo, foi preso...

Alunos da rede municipal de Boa Esperança se destacam em concurso cultural e ganham tablets

  No início deste mês, o município de Boa Esperança celebrou seus 58 anos de emancipação política e, para comemorar,...

Prefeitura de Nova Venécia divulga Edital para contratação de supervisor escolar

  A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria Municipal de Educação, divulgou Edital de processo seletivo simplificado...

Luiz Henrique garante vitória do Fluminense sobre o Fortaleza

Graças a um golaço de Luiz Henrique, o Fluminense derrotou o Fortaleza por 1 a 0, neste domingo...

Nova Venécia anuncia Badinho Alves para comandar equipe na Copa Espírito Santo 2022

Na estreia do Nova Venécia na Copa Espírito Santo 2022, não será Cássio Barros quem comandará a equipe....

Corpo de idosa que sumiu após sair de missa é encontrado boiando em rio no Espírito Santo

Foi encontrado na tarde de sábado (21) em um rio em uma região de mata próximo ao limite...

Geada no Espírito Santo: Defesa Civil emite alerta de risco moderado para 13 cidades

  Geada no Espírito Santo em 2013 — Foto: Reginaldo Cesar Guizzardi A Defesa Civil do Espírito Santo emitiu um...