Covid-19: mais de 17 mil cestas de alimentos já distribuídas para comunidades indígenas

Comunidades indígenas: mais de 17 mil cestas de alimentos já distribuídas

Entrega ocorreu em cinco Terras Indígenas. Foto: Acervo/Funai

A Fundação Nacional do Índio (Funai) já tem promovido as ações de proteção a comunidades indígenas conforme sugere o manifesto lançado recentemente pelo fotógrafo Sebastião Salgado. Desde o mês de março, a Fundação implementou uma série de medidas para prevenir o contágio da Covid-19 entre as populações indígenas. 

Desde as medidas iniciais até o momento, a Funai já liberou cerca de R$ 10,8 milhões, originários de suplementação orçamentária, e R$ 3 milhões de recursos próprios. Os valores oriundos de suplementação vêm sendo utilizados para diferentes fins, como a compra emergencial de alimentos para áreas de extrema vulnerabilidade social, o deslocamento de equipes às Frentes de Proteção de povos indígenas isolados e de recente contato, bem como a aquisição de veículos e embarcações para viabilizar o transporte de servidores até as aldeias e de indígenas até as unidades de saúde.

Além disso, o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos (MMFDH) destinou à Funai um recurso de quase R$ 6 milhões para a distribuição de cerca de 310.000 (trezentas e dez mil) cestas de alimentos às famílias indígenas no contexto da epidemia do coronavírus. 

As iniciativas estão previstas no “Plano de Contingência Nacional para Infecção Humana pelo novo Coronavírus (Covid-19) em Povos Indígenas” que reúne documentos elaborados pela equipe técnica da a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) e traz orientações de como deve ser o atendimento aos indígenas com sintomas relacionados ao Covid-19.

A aquisição destes 310 mil itens é realizada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), e a entrega será executada pela Funai já nas próximas semanas. O objetivo é garantir a segurança alimentar de cerca de 154 mil famílias indígenas em 26 Unidades da Federação. Isso mostra que em nenhum momento a instituição se eximiu de qualquer obrigação legal de proteção e promoção dos direitos dos povos indígenas.

Uma das primeiras ações da Funai frente à expansão da Covid-19 no território nacional foi a recomendação do isolamento social coletivo nas comunidades indígenas. No dia 18 de março, o presidente da Fundação, Marcelo Xavier, já havia determinado a suspensão provisória da autorização da entrada de pessoas não indígenas nas Terras Indígenas.

Naquela ocasião, Xavier reiterou que os indígenas deveriam evitar sair de suas comunidades. “É muito importante que os indígenas permaneçam nas aldeias e evitem convidar pessoas externas a fim de evitar a difusão do vírus”, disse o presidente.

No dia 20 de março, Marcelo Xavier reforçou a parceria entre a Funai e a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) na campanha de prevenção realizada pelos dois órgãos. “Todo material para conscientização e combate ao coronavírus produzidos pela Sesai já foi difundido para as unidades da Funai, visando tranquilizar e orientar as comunidades indígenas”, destacou o presidente.

Por meio dos seus 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs), a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) tem apoiado as ações emergências de segurança alimentar realizadas pelas Funai. A Sesai forneceu os equipamentos de proteção individual para as 39 Coordenações Regionais da Fundação e 11 Frentes de Proteção Etnoambiental. Durante a distribuição de cestas básicas, a Sesai realiza a higienização e descontaminação das cestas. 

Redes sociais

O MMFDH lançou material nas redes sociais para orientar povos e comunidades tradicionais sobre o novo coronavírus. Confira:

Instagram:

@min_direitoshumanos
@igualdaderacial

Facebook:
@direitoshumanosbrasil
@igualdaderacial.br

Twitter:
@DHumanosBrasil
@seppir

Para compartilhar em redes como WhatsApp e Telegram, você pode solicitar os cartões pelo e-mail seppir@mdh.gov.br.

 

Leia mais

EDP alerta: no inverno o chuveiro elétrico pode ser o vilão da conta de luz

Nos dias mais frios, o chuveiro elétrico pode...

Idoso de 68 anos morre atropelado na manhã deste sábado, (28), em Mantena, dois homens foram presos

Segundo familiares a vítima Leniro Martins, 68, morador do bairro Filadélfia, tinha o costume de visitar a feira no centro da cidade aos sábados...

Senado aprova PLP que proíbe contingenciamento de verbas para ciência

O Senado Federal aprovou, na noite desta quinta-feira (13), com apenas um voto negativo, Projeto de Lei Complementar 145/2020 que proíbe o governo de...

Homem é baleado em Boa Esperança

Imagem ilustrativa Um homem foi baleado na noite desta sexta-feira (05), no bairro Nova Cidade, em Boa Esperança. Segundo a Polícia, a vítima foi identificada...

Leia também

INPE lança plataforma que permite acesso a projeções de mudança do clima para todo o Brasil

Os brasileiros contam agora com uma plataforma on-line em que é possível visualizar cenários de mudança do clima para todo o território nacional. O...

Número de trabalhadores empregados sobe em outubro em todo País

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério da Economia indicou um aumento no número de trabalhadores empregados pelo quarto mês consecutivo....

ANTT define novas medidas para prevenção da Covid-19 no transporte interestadual

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) estabeleceu novas medidas a serem adotadas nos serviços de transporte rodoviário interestadual e internacional, para prevenção à...

Expectativa de vida cresce 0,3 anos para brasileiros, segundo o IBGE

A expectativa de vida dos homens passou de 72,8 anos em 2018 para 73,1 anos em 2019 e das mulheres foi de 79,9 anos...