Corpo de Bombeiros recebe novas viaturas e caminhão no aniversário de 108 anos da Corporação

Foto: Hélio Filho/Secom

O Corpo de Bombeiros Militar do Espírito Santo (CBMES) realizou, na manhã dessa quarta-feira (23), a solenidade comemorativa ao aniversário de 108 anos da Corporação, no Quartel do Comando-Geral, em Vitória. Durante o evento, que contou com participação do governador do Estado, Renato Casagrande, ocorreu a entrega de um caminhão especializado para combate a incêndio e também de 18 viaturas picapes L-200 Triton.

O investimento é próximo a R$ 2,7 milhões, oriundos do Fundo de Reequipamento dos Bombeiros Militares (Funrebom) e de emenda parlamentar. Os veículos serão utilizados na atividade-fim do Corpo de Bombeiros em todo o Espírito Santo.

Ainda durante o evento foram apresentados os 27 alunos que se formaram no Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos (CAS), iniciado no mês de setembro. Também foi realizada a entrega da medalha de honra Nestor Gomes e do título de Amigo dos Bombeiros para autoridades e personalidades escolhidas.

Em sua fala, o governador Renato Casagrande destacou a importância da Corporação para a sociedade capixaba. “Este ano foi um exemplo que caracteriza o trabalho que vocês vêm desempenhando, seja nas fortes chuvas de janeiro e fevereiro, quando nós tivemos a presença dos bombeiros em 25 municípios da região sul capixaba, seja a partir de março na gestão da pandemia. Até hoje a gestão da pandemia é, sem dúvida, uma tarefa que está presente na vida de vocês e continuará presente no ano de 2021, infelizmente. Mas precisamos fazer esse registro pela importância do Corpo de Bombeiros neste trabalho, salvando vidas”, pontuou.

Casagrande citou ainda o trabalho do Governo do Estado na reestruturação das forças de segurança pública no Estado:

“É muito importante estarmos aqui comemorando os 108 anos do Corpo de Bombeiros do Espírito Santo. Eu tive a oportunidade de participar de alguns momentos importantes dessa história, como a conquista da autonomia desta Instituição em 1997, quando na época era vice-governador. Em nosso primeiro governo, de 2011 a 2014, exerci a tarefa de resgatar e fortalecer o Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Civil. Em 2019, assumimos novamente com uma estrutura desorganizada, desmantelada e fragilizada. Minha tarefa novamente é entregar até 2022 essas instituições organizadas, estruturadas e recuperadas para que possam enfrentar a criminalidade e tenham condições de salvar vidas no Espírito Santo. É com esse espírito que governamos e vamos seguir nessa direção”, disse.

O governador também parabenizou todos os alunos formandos do Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos. “A tarefa do sargento é fundamental. Faz a conexão entre a estratégia e ação. Ter bons sargentos que possam fazer essa ligação é fundamental”, comentou.

O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho, citou outros investimentos na Corporação. “Parabenizo o Corpo de Bombeiros Militar pelos 108 anos de uma história profícua e que deve ser reconhecida pela nossa sociedade. Temos que valorizar esses profissionais e o Governo tem buscado isso diariamente, com entregas como a de hoje, as promoções que estão sendo realizadas e os cursos de formação finalizados. Tivemos ainda o concurso público, que formou novos soldados e vai entregar ainda mais militares para o atendimento à população. Agradeço ao coronel Cerqueira pela dedicação e comprometimento com essa tropa”, afirmou.

“O Corpo de Bombeiros está em preparação contínua para atender cada vez melhor a sociedade. Já foram 120 mil ocorrências esse ano e é importante celebrar esse dia, agradecendo não só os bombeiros que estão na ativa, mas também todos os que passaram por aqui, estão na reserva ou já se foram. Sobre o CAS, agora temos sargentos formados para dar suporte na atividade operacional, dos quais os parabenizo pela conclusão do curso nesse ano complicado”, afirmou o comandante-geral da Corporação, coronel Alexandre Cerqueira.

Cerqueira prosseguiu: “Temos que registrar ainda o que o Governo do Estado faz pela nossa Instituição. Hoje todos os bombeiros têm seu material próprio. Não sei se algum outro Corpo de Bombeiros do País tem isso. Foram 123 viaturas entregues em dois anos. Nos quatro anos anteriores foram 21. A diferença é tão grande que temos que repetir. É uma gestão incrível. Ainda temos 15 caminhões já licitados e um plano de investimentos em andamento por mais dois anos. Só tenho a agradecer!”

Leia mais

Leia também