Continuam as buscas por atleta que desapareceu em cachoeira no Espírito Santo

O Corpo de Bombeiros continua as buscas pelo atleta de jiu-jitsu Felipe Gussão, de 32 anos, que desapareceu na tarde da última segunda-feira (12) após entrar em uma cachoeira de Castelo, no Sul do Espírito Santo. As informações são da TV Gazeta.

As buscas, que começaram na segunda e seguiram na terça, foram retomadas na manhã desta quarta (14).

O local onde o atleta desapareceu é conhecido como Cachoeira do Bambuzal. Por tratar-se de uma região de difícil acesso e também em função da correnteza e da grande quantidade de pedras no fundo da água, mergulhadores da Grande Vitória foram enviados para o Sul do estado.

Felipe foi registrado andando às margens da cachoeira pouco antes de entrar na água e desaparecer

Felipe foi registrado andando às margens da cachoeira pouco antes de entrar na água e desaparecer

Felipe se divertia com colegas da academia que frequentava quando decidiu entrar na cachoeira. Segundo testemunhas, após entrar na água, ele foi levado pela correnteza e não foi mais visto.

Em um vídeo registrado por volta de meio-dia, momentos antes de o atleta desaparecer, ele aparece se equilibrando em raízes, às margens da cachoeira.

“Ele olhou o local e pulou. Quando ele pulou ele afundou, a gente achou que ele estava brincando, porque ele sempre foi uma pessoa brincalhona. Aí ele subiu meio que rindo de novo, depois ele afundou pela segunda vez e já ficou bastante tempo na água. A gente ficou preocupado”, contou o professor de jiu-jitsu Rafael Cardoso, que estava com Felipe.

Felipe Gussão, de 32 anos, desapareceu após entrar em cachoeira em Castelo

Felipe Gussão, de 32 anos, desapareceu após entrar em cachoeira em Castelo

Leia mais

Leia também