Confiança da indústria aumenta 4,8 pontos em maio

Após ter tido quatro quedas consecutivas, o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI), divulgado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), subiu 4,8 pontos em maio, na comparação com abril, atingindo assim 58,5 pontos. O ICEI é contatado a partir de uma variação de zero a 100 pontos, sendo 50 pontos a linha de corte que separa o otimismo do pessimismo, por parte dos empresários.

Em relação a maio de 2020, período marcado pela paralisação das indústrias devido à pandemia, o ICEI registra alta de 23,8 pontos. Segundo Marcelo Azevedo, gerente de Análise Econômica da CNI, neste ano o índice indica a confiança sólida do empresário e a melhora da percepção em relação às atuais condições do país.

Produtividade na indústria cai 2,5% no primeiro trimestre do ano

Vendas de motos têm alta de 52% em abril

Todos os componentes do índice de confiança da indústria tiveram forte avanço neste mês de maio, segundo o levantamento. Porém, o destaque vai para o Índice de Condições Atuais, que cresceu 5,3 pontos, e para o Índice de Expectativas com a elevação de 4,5 pontos.

Foto: Arquivo Agência BrasilFoto: Arquivo Agência Brasil


Leia mais

Leia também