Comercialização e assistência técnica no setor agrícola é diferencial de empresa de Venda Nova do Imigrante

O fornecimento de insumos agropecuários é de suma importância para o desenvolvimento das cadeias produtivas ligadas ao setor, por possibilitar que o produtor busque a melhor alternativa para alcançar os mais altos níveis de sustentabilidade. Na região das montanhas capixabas, a empresa Comercial Agrícola Terra Nova tem investido na estruturação de seu modelo de negócio baseado na comercialização e difusão do conhecimento relacionado ao uso de técnicas e de conhecimento para aperfeiçoar ou facilitar o trabalho do homem no campo.

A empresa, fundada em 2008 e sediada em Alto Caxixe, no interior de Venda Nova do Imigrante, conta com três filiais em Santa Maria de Jetibá, Mimoso do Sul e outra unidade em Venda Nova, na localidade de Vila Betânia. Recentemente, a empresa contou com apoio das linhas de financiamento contratadas junto ao Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) para investimento.

O diferencial do modelo de negócio da empresa é o foco na assistência técnica e disseminação do conhecimento. Com uma programação constante de palestras direcionadas aos produtores e colonos, a equipe da Terra Nova consegue transmitir novos conhecimentos e informações sobre insumos, tecnologia e maquinário, fazendo apresentação in loco desses produtos nas lavouras dos participantes dos cursos.

O diretor executivo da empresa, Carlos Augusto Cardoso, destaca a importância para o desenvolvimento do negócio dos recursos contratados junto ao Bandes. “Em 2016, nossa empresa estava vivendo um momento de plena expansão nas regiões serrana e sul. Nesse período, o recurso obtido junto ao Bandes foi fundamental para esse crescimento. Na época, tínhamos duas lojas agrícolas e hoje estamos caminhando para inaugurar nossa quinta filial em Linhares, no norte do Estado. Quando é feito um aporte de recurso com responsabilidade, todos ganham. E com o resultado dessa parceria, colaboramos para o crescimento do agronegócio do nosso Estado”, destaca o empresário.

A estruturação da empresa com esse modelo possibilitou o crescimento e a expansão da Terra Nova nos três últimos anos, oferecendo atendimento personalizado e qualificado. Os recursos contratados junto ao Bandes foram direcionados para capital de giro, ou seja, aquisição de mercadorias para venda e outras despesas continuas do negócio.

A perspectiva de crescimento da atividade é alta, devido à importância do uso de insumos agrícolas para o aumento da produtividade que se dá a partir do investimento em técnicas de produção modernas.

A tecnologia avançada no setor do agronegócio possibilita uma forma mais econômica e sustentável dos insumos. Com isso, é possível o controle da produtividade e o crescimento em alta escala, além de maior lucratividade com a redução do uso de água e o combate a pragas, por exemplo.

Segundo o gerente de Negócios do Bandes, Mario Augusto Jantorno, o banco busca estar próximo às demandas que possibilitem movimentar a economia local. “A forma de atuar do Bandes possibilita que empreendimentos estratégicos para o desenvolvimento regionalmente equilibrado do Espírito Santo tenham um atendimento mais ágil e alinhado com a política de desenvolvimento do Governo. Atuando desta maneira, o banco fortalece sua função no desenvolvimento sustentável, atendendo com cuidado às necessidades de cada região”, enfatiza Jantorno.

Informações sobre linhas de financiamento:
www.bandes.com.br
faleconosco@bandes.com.br


Leia mais

Leia também