Com popularidade em baixa, Casagrande pode atrapalhar mais que ajudar candidatos a prefeito

O Governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), tentará eleger alguns prefeitos na eleição deste ano, mas a tarefa não será fácil.

Com a popularidade em baixa, o apoio do governador pode ser um “tiro no pé” para alguns candidatos. Como dizem nos bastidores, é mais fácil ele fazer o candidato perder que ganhar voto.

Mesmo antes da pandemia, a relação de Casagrande com o eleitor já não era boa, mas piorou com algumas decisões tomadas pelo governador.

Candidatos podem até aceitar o apoio da “máquina do estado”, com todos os benefícios que ela pode proporcionar, mas, de preferência, sem a presença do governador.

Veja mais em SiteBarra360

 

Leia mais

Leia também