Com gás lacrimogêneo, PM dispersa aglomeração na Praia do Morro, em Guarapari, ES

De acordo com a polícia, os participantes da festa que acontecia na areia da praia não acataram a ordem para que as caixas de som fossem desligadas. O uso delas está proibido por um decreto municipal.

Policiais militares utilizaram gás lacrimogêneo para dispersar pessoas que se aglomeravam na areia da Praia do Morro, em Guarapari, no Espírito Santo, no momento em que acontecia uma festa ilegal na noite deste domingo (3).

De acordo com a Polícia Militar, o uso de armas não letais foi necessário para garantir a dispersão dos participantes, já que eles não atenderam à solicitação feita pelos policiais para que as caixas de som fossem desligadas e a reunião fosse encerrada.

O uso desse tipo de equipamento de som está proibido por um decreto da Prefeitura de Guarapari. A medida tem o objetivo de evitar aglomerações durante a pandemia do coronavírus.

Um vídeo feito por pessoas que estavam no local registrou o momento em que várias viaturas chegaram ao local. Em seguida, policiais aparecem usando gás.

A PM informou ainda que realizava uma ação preventiva de combate à Covid-19 na praia junto com agentes da Prefeitura de Guarapari quando recebeu denúncias de que aglomerações estavam ocorrendo.

Apesar de estar entre as oito cidades classificadas com risco alto para a Covid-19, Guarapari ficou lotada no feirado de Ano Novo. Imagens registradas em diferentes pontos, incluindo praias e estabelecimentos, mostram as aglomerações.

Informações: G1

Leia mais

Leia também