Coletor de lixo diz que foi detido por agentes penitenciários por cantar durante o serviço no Espírito Santo

Um coletor de lixo de 25 anos foi algemado e conduzido à delegacia por agentes penitenciários enquanto fazia a coleta dentro da Penitenciária Semiaberta de Cariacica, na Grande Vitória. O caso aconteceu no dia 8 de outubro, mas chegou ao conhecimento da imprensa nesta quarta-feira (21).

Segundo o coletor, os inspetores se irritaram porque ele e os colegas estavam cantando durante o serviço. Já a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), alega que o funcionário foi conduzido porque desacatou os inspetores.

Parte da ação foi filmada por alguns dos coletores que também trabalhavam no local e presenciaram a detenção.

“A gente estava se divertindo, como trabalhamos sempre. Entrei para recolher o lixo e, quando já estava quase recolhendo tudo, um agente penitenciário pediu pra gente se calar. Nos calamos. Outro veio em seguida, pediu nosso nome e ele se estressou comigo porque dei só meu primeiro nome. Ele chamou a viatura, que não apareceu. Aí ele comunicou à empresa [terceirizada, de limpeza] o ocorrido”, contou o trabalhador que foi detido, sem se identificar.

Coletor de lixo foi algemado e levado à delegacia por cantar durante o serviço em um presídio de Cariacica, ES

O coletor disse que o encarregado da empresa foi até o presídio e tentou resolver o problema. “Eu achei desonesto, desnecessário o que fizeram comigo. Eu estava trabalhando e fizeram isso comigo”.

Mesmo assim, o trabalhador foi algemado e levado para a delegacia de Cariacica no camburão da Secretaria de Justiça (Sejus), onde foi liberado. O delegado que atendeu o caso disse que não encontrou elementos suficientes para prendê-lo em flagrante.

O pai do rapaz ficou indignado com a situação. “Meu filho nunca pisou em uma delegacia, eu sempre soube educar meus filhos da forma correta. Meu filho estava trabalhando, estava uniformizado, devidamente identificado, e mesmo assim esses agentes tiveram a audácia de fazer essa truculência toda”, disse.

Segundo a Sejus, os inspetores advertiram a equipe que estava fazendo a coleta na unidade sobre o barulho no local, que é proibido. De acordo com a nota enviada pela secretaria, um dos coletores não teria acatado o pedido de silêncio e ainda teria desacatado os inspetores, e por isso foi levado à delegacia.

O coletor nega. “Não desacatei, não faltei com respeito. Estávamos cantando, mas nada que viesse a incomodar ninguém”.

O caso está sendo acompanhado pela corregedoria da Sejus e o coletor disse que vai abrir um processo na Justiça por danos morais.

  • Sindilimpe

A presidente do sindicato dos profissionais de limpeza (Sindilimpe), Evanir Reis, acha que houve abuso de autoridade.

“É uma humilhação colocar o trabalhador no momento do serviço, da sua coleta de lixo, dentro da viatura, para levar pro DPJ para registrar boletim de ocorrência ou ser preso. É um constrangimento muito ruim. Nós, da diretoria do Sindilimpe, repudiamos esse tipo de atitude em qualquer categoria, principalmente na nossa”.

  • Sindiaspes

O Sindicato dos Inspetores do Sistema Penitenciário do Estado (Sindaspes) informou, por meio de nota, que está acompanhando o caso. O sindicato reiterou que a prisão se deu em razão do desacato cometido pelo gari.

O Sindaspes repudiou “a precipitação de populares no sentido de condenar a ação dos inspetores por suposto abuso de autoridade, antes de qualquer apuração”.

O sindicato afirmou, ainda, que vai acompanhar o caso e que dará todo suporte aos inspetores envolvidos.

Fonte: TV Gazeta

Leia mais

Educação pode perder até R$ 40 bi em tributos

Segundo um levantamento do Instituto Unibanco e Todos Pela Educação, em parceria com o Conselho Nacional dos Secretários de Educação, as redes estaduais e...

Moto roubada no domingo em Água Doce do Norte foi encontrada nesta segunda (27)

Uma moto de cor vermelha que havia sido roubada em Água Doce do Norte, na manhã deste domingo, 26/04/2020, foi encontrada no município na...

MEC lança curso de práticas de produção de texto para alfabetizadores

Várias ações marcam o compromisso do Governo Federal com os primeiros anos escolares Foto: Agência Brasil A Secretaria de Alfabetização (Sealf), do Ministério da Educação...

Leia também

Polícia Militar recupera motocicletas com restrições em Nova Venécia e Pinheiros

Nesta quarta-feira (02), policiais militares do 2º Batalhão recuperaram duas motocicletas com restrição de furto/roubo nos municípios de Nova Venécia e Pinheiros. Na ocasião,...

Duas iniciativas da Sefaz são finalistas no Prêmio Inoves 2020

Duas iniciativas propostas pela...