Clima seco avança em sete estados do Nordeste e Sudeste brasileiros, em julho

Em julho, mês historicamente marcado pela falta de chuvas na maior parte do Sudeste e Nordeste, sete estados brasileiros registraram aumento da seca: Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Piauí, Rio de Janeiro e Tocantins. Os dados são do Monitor de Secas, da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA). Em quatro estados foi registrada diminuição da seca: Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. No litoral leste do Nordeste, do Rio Grande do Norte até a Bahia, julho é considerado um mês chuvoso. 

Seca afeta colheita de soja e milho e indenizações devem chegar a R$ 1,9 bi no RS

Resolução do Banco Central permite renegociação de financiamento agricultores familiares afetados pela seca

Programa Monitor de Seca avaliará estiagem em 14 estados e DF

A partir de julho, o Monitor de Secas começou a monitorar também as chuvas no Mato Grosso do Sul. No mês passado, todo o estado sofreu com secas, sendo o único monitorado a registrar o fenômeno em todo o território, sendo que em parte da região do Paranaíba foi registrada seca extrema. O restante do estado ou registrou seca moderada ou seca grave.

A ferramenta tem o objetivo de ajudar na formulação de políticas públicas voltadas ao combate à seca. A plataforma cobre um total de seis estados mais o Distrito Federal. Os três estados da região Sul já receberam treinamento e se preparam para integrar a plataforma nos próximos meses.

Imagem: Reprodução

Leia mais

Governo trabalha na modernização do Estado

Governo Federal trabalha na estratégia de modernização do Estado aliada à transformação digital Foto: Banco de Imagens Em um mundo cada vez mais digital, onde...

Academia ao ar livre está abandonada e usuários apontam desleixo do prefeito em Água Doce do Norte

Por Elvécio Andrade / colatina new Mostrando que não são apenas cemitério e obras inacabadas que estão abandonadas em Água Doce do Norte, no Noroeste...

Locutores colecionadores

Entre os destaques está a primeira moeda da República, de 500 Reis, de 1889 e de prata. O dono dela? O locutor Fernando Batista,...

Leia também