Ciclo de palestras do Agenda Mulher debate cotas de gênero

O ciclo de palestras “Mais Mulheres na Política Capixaba” realizou, nesta quinta-feira (03), o segundo dia de apresentações com o painel Inclusão da Mulher na Política: Eleições 2020. O evento objetiva inspirar e empoderar as mulheres capixabas mostrando que a entrada no processo democrático  é natural e boa para todos. Organizado pela Vice-Governadoria do Estado, por meio do Programa Agenda Mulher, o ciclo levou aos participantes o debate sobre as estruturas e funções do Estado no que diz respeito às cotas de gênero.

Para o primeiro tema debatido, “Cargos para as eleições 2020. O papel da prefeita e da vereadora”, o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Espirito Santo (TCES), Domingos Taufner, argumentou que a sociedade possui uma visão ainda errônea das funções dos representantes eleitos nos municípios.

“Se você perguntar à população qual o papel da vereadora e do vereador, ela vai dizer que é ‘fazer um favor’ ou ‘representar o bairro’. Mas, eles possuem funções importantes dentro da concepção administrativa do município. Os vereadores criam as leis municipais, por isso Legislativo; fiscalizam o Executivo; julgam; administram e  debatem. São inúmeras atribuições”, explicou Taufner.

O assessor político da Vice-Governadoria, Odmar Nascimento, teceu argumentos sobre o que ele chamou de “novo normal”. Também falou sobre a jornada política que perpassa o processo democrático e da necessidade de um diferencial na pauta da mulher na política. “Os homens sempre usam as mesmas pautas: saúde, educação, segurança. Elas devem se apresentar com um discurso e olhar feminino sempre com o questionamento: onde o meu discurso e as causas que acredito e defendo podem me levar?”, disse.

Um levantamento com base em dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) foi apresentado pela mediadora do ciclo, Wilma Chequer, e mostra que apesar de as mulheres representarem 51% da população no Espírito Santo, desde janeiro de  2017, não contamos com uma única vereadora em 32% das cidades capixabas, ou seja, em 25 dos 78 municípios do Estado as mulheres não participam da política.

Com base nesse panorama, a coordenadora Regional da Transparência Eleitoral, Marilda Silveira, aprofundou o tema “Cotas de Gênero nas Eleições 2020”. Ela abordou como se estrutura a baixa representatividade feminina na política e o papel dos partidos políticos nesse processo.

“Pesquisas apontam que a política, assim como em outros campos da sociedade, não são exclusivamente meritocráticos, ou seja, ninguém o acessa só por mérito. Apesar da autonomia dos partidos nas escolhas dos candidatos, existe um monopólio de candidaturas, ocasionando um choque com a necessidade de respeitar uma ação afirmativa para ocupação desses espaços pelas mulheres”, destacou.

E complementou: “Isso significa que esses espaços, nos quais as mulheres querem adentrar, já possuem lideranças masculinas, pois eles se inseriram nesses locais muito antes do que elas e formaram uma rede de contatos, em uma época em que a mulher não tinha os mesmo direitos”, relatou a advogada.

Já  Wilma Chequer lembrou  as dificuldades das mulheres em ingressarem na política, como o caso da primeira mulher a assumir um cargo eletivo no Brasil. “Somente em 1928, Luíza Alzira Teixeira Soriano foi eleita a primeira prefeita brasileira, em Lajes, no Rio Grande do Norte”.

O público interagiu com as palestrantes por meio de perguntas e comentários no Instagram do Programa Agenda Mulher. O evento tem parceria com o Secretaria de Economia e Planejamento (SEP); Escola de Serviço Público do Espírito Santo (Esesp); Escola Superior da Procuradoria Geral do Estado do Espírito Santo (ESPGE); Rádio e Televisão Espírito Santo (RTV), Comissão de Direitos Políticos e Eleitorais/Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/ES) e Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES).

Terceiro dia de palestras

Nesta sexta-feira (04) é o último dia do “Mais Mulheres na Política Capixaba” com o painel: Eleições 2020: a mulher candidata. A transmissão será feita simultaneamente pela TV Educativa (Canal:2.1), pela Rádio Espírito Santo (1106FM), Instagram @agendamulher e site A Gazeta, às 14horas.

 

SERVIÇO – PROGRAMAÇÃO

 

Data:04/09 (sexta-feira)

Horário: 14h

3º Painel: Eleições 2020: a mulher candidata

-Tema: Alternativas para efetivação da participação feminina nos partidos.

-Participantes: Polianna Pereira dos Santos (Associação Visibilidade Feminina)

-Tema: Estratégias de financiamento e marketing das candidaturas femininas.

Participantes: Luciana Nepomuceno (OAB/Federal)

Mediação: Wilma Chequer (OAB/ES)

 

Transmissão ao vivo:
TV Educativa ES (Canal: 2.1)
Rádio Espírito Santo (1160 AM)
Instagram @agendamulher
Site A Gazeta

 

Leia mais

Idaf apreende agrotóxico em situação irregular no mercado da Ceasa/ES

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), realizou, nesta quarta-feira (29), uma...

INDICADORES: Café registra queda no preço nesta quinta-feira (17)

A saca de 60 quilos do café arábica começou a quinta-feira (17) com queda de 1,27% no preço e é vendida a R$ 554,39...

Auxílio Emergencial terá impacto de 2,5% no PIB brasileiro

Norte e Nordeste são os mais impactados positivamente Foto: Antônio Cruz / Agência Brasil O impacto do Auxílio Emergencial na economia do País será de...

Mesmo em meio à pandemia, empresas correm contra o tempo para se adaptarem à LGPD

De Norte a Sul do país, empresários buscam o quanto antes adequarem seus negócios à Lei Geral de Proteção de Dados. A legislação pode...

Leia também

Garoto Riquelme, que sonha em ser policial, visita pelotão de Água Doce do Norte

Este é o garoto Riquelme! Um grande amigo da Polícia Militar. Riquelme disse aos militares que "sonha em ser um policial um dia". Os guerreiros de ortiz...

Motoristas podem conferir e pagar infrações por meio da Carteira Digital de Trânsito

Motoristas de todo o país já podem acompanhar, receber e pagar multas por meio do aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT). Isso ocorre pois...

Eleições 2020: Prazo para envio de candidaturas aos cartórios eleitorais e internet termina neste sábado (26)

O prazo final para que partidos e coligações apresentem requerimento de registros de candidatos termina às 19h deste sábado (26). O pedido, que anteriormente...

Equipes de saúde continuam sendo informatizadas em todos os estados. Saiba mais

O Ministério da Saúde homologou a adesão de mais Equipes de Saúde da Família informatizadas ao Programa de Apoio à Informatização e Qualificação dos...