Chuva atinge SML de Cachoeiro e trabalhos são realizados entre goteiras e infiltrações

O teto do SML apresentou várias rachaduras e infiltrações. Segundo o sindicato de policiais civis, uma inspeção já foi realizada e alguns trabalhos ficaram prejudicados

As fortes chuvas que atingem o Espírito Santo desde o último domingo (01), deixaram a situação do Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro de Itapemirim muito delicada. Isso porque, de acordo com que trabalha no local, o SML ficou alagado e trabalhos foram realizados em meio a muita água.

O teto do SML apresentou várias rachaduras e infiltrações. Segundo o sindicato de policiais civis, uma inspeção já foi realizada e alguns trabalhos ficaram prejudicados.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que a Superintendência de Apoio Logístico e Engenharia da PCES já foi comunicada e estuda a viabilidade de execução de obras em caráter emergencial no Serviço Médico Legal de Cachoeiro de Itapemirim.

Além disso, informou que a PCES tem trabalhado, conjuntamente com a Secretaria de Estado de Segurança Pública e o Governo do Estado, para aprimorar esse serviço e melhorar a infraestrutura das unidades que atendem à população. Para este ano, estão previstas obras no SML de Cachoeiro de Itapemirim, além de outros projetos em andamento, que vão padronizar os Serviços Regionais de Polícia Técnico-Cientítica.

O projeto permitirá a descentralização de alguns laboratórios que compõem a polícia técnico-científica, hoje existentes apenas na Grande Vitória, de forma que a Polícia Civil dará respostas mais rápidas à população.

Informações: Folha Vitória

Leia mais

Leia também