CHEGOU! veja como ficou a nova Clínica de Hemodiálise de Barra de São Francisco

Compartilhe

Neste sábado, dia 2 de julho de 2022, um sonho começa a ser realizado em Barra de São Francisco-ES, a clínica MED.ÁLISE vai ser inaugurada.

Uma das presenças confirmadas é a do Governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, entre outras autoridades.

“Quero deixar aqui os parabéns à Dra. Josi Lopes, que é São Paulo e teve a coragem de fazer esse investimento aqui em Barra de São Francisco. Para que acontecesse, ela contou com a parceria do empresário Márcio Madeira“, destacou Mazinho do Hospital, que esteve na clínica e registrou como estão os preparativos para a inauguração. (Veja as fotos abaixo)

Quem vai ganhar são os pacientes. Muitos precisam fazer Hemodiálise até três vez por semana e têm que se deslocar até Colatina.

“Muitos são os motivos para Barra de São Francisco e toda a região comemorar”, destacou Mazinho.

Saiba mais

Hemodiálise

Hemodiálise é o procedimento através do qual uma máquina filtra e limpa o sangue, fazendo parte do trabalho que o rim doente não pode fazer. O procedimento retira do corpo os resíduos prejudiciais à saúde, como o excesso de sal e de líquidos. Também controla a pressão arterial e ajuda o organismo a manter o equilíbrio de substâncias como sódio, potássio, ureia e creatinina.

Quem necessita fazer esse tratamento?

A hemodiálise está indicada para pacientes com insuficiência renal aguda ou crônica graves. A indicação de iniciar esse tratamento é feita pelo médico especialista em doenças dos rins (nefrologista). É possível começar o tratamento para insuficiência renal com medicamentos que controlam os sintomas e estabilizam a doença. Nos casos em que os remédios não são suficientes e a doença progride, pode ser necessário iniciar a hemodiálise. Esta decisão é tomada em conjunto com o paciente e o seu médico nefrologista. A diálise não tem como objetivo tratar a doença renal, mas sim, substituir a função dos rins que estão com seu funcionamento prejudicado.

Como é feita a hemodiálise?

A diálise é realizada por meio da filtração do sangue que é retirado pouco a pouco do organismo através de uma agulha especial para a punção da fístula arteriovenosa (FAV). FAV é uma ligação entre uma pequena artéria e uma pequena veia, com a finalidade de tornar a veia mais grossa e resistente para que as punções possam ocorrer sem complicações. A fístula pode ser feita com as próprias veias do indivíduo ou com materiais sintéticos. É preparada com uma pequena cirurgia no braço ou na perna, executada por um cirurgião vascular e com anestesia local. O ideal é que a fístula seja feita de preferência 2 a 3 meses antes do início da hemodiálise.

A diálise também pode ser feita por meio de um cateter (tubo) inserido numa veia do pescoço, tórax ou virilha, com anestesia local. O cateter é uma opção geralmente temporária para os pacientes que ainda não têm a fístula mas precisam fazer diálise. Os principais problemas relacionados ao uso do cateter são a obstrução e a infecção, o que muitas vezes obriga a sua retirada e o implante de um novo cateter para que as sessões possam continuar. As sessões de hemodiálise são realizadas geralmente em clínicas especializadas ou hospitais, no mínimo 3 vezes por semana e cada uma tem duração de aproximadamente 3-4 horas.

Há desconforto durante a hemodiálise?

Na maioria das sessões de hemodiálise o paciente não sentirá nada, mas algumas vezes, pode ocorrer queda da pressão arterial, câimbras ou dor de cabeça. Por estes motivos, a sessão deve ser sempre realizada na presença de um médico e uma equipe de enfermagem. Geralmente esses sintomas acontecem quando o paciente tem muito líquido para remover do seu corpo naquela sessão de hemodiálise. Dessa forma, é importante seguir as recomendações da equipe médica para evitar o ganho excessivo de peso entre os dias das sessões para que haja maior conforto e menos intercorrrências durante sua realização.

Restrições dietéticas

A quantidade de líquidos ou de alimentos que pode ser ingerida por pacientes com insuficiência renal varia de pessoa para pessoa e depende do seu estado nutricional, da quantidade de urina que ele ainda produz e de outros fatores, como a presença de doenças associadas (diabetes, por exemplo).

Vantagens da hemodiálise na insuficiência renal avançada

Ao iniciar o tratamento o paciente perceberá uma melhora significativa nos sintomas que apresentava, como: falta de apetite, indisposição, cansaço, náuseas, dentre outros. Adicionalmente, serão reduzidas as restrições dietéticas impostas antes de começar a fazer hemodiálise e perceberá, em geral, uma melhora na sua qualidade de vida.

Pacientes com insuficiência renal necessitam de acompanhamento multidisciplinar, com nutricionistas, enfermeiros, médicos, ou outros profissionais que sejam necessários.

IMPORTANTE: Somente médicos e cirurgiões-dentistas devidamente habilitados podem diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. As informações disponíveis em Dicas em Saúde possuem apenas caráter educativo.

Leia também

ES: família de perito aposentado que desapareceu faz campanha para encontrá-lo: ‘qualquer informação é importante’

    Celso Marvila, de 64 anos, está desaparecido. Carro dele foi encontrado incendiado A família de Celso Marvila Lima quebrou...

Cachoeiro Stone Fair apresenta máquinas que aumentam a produtividade para marmorarias

Grandes lançamentos de maquinários na maior Feira da América Latina O que há de mais moderno em termos de...

Em seminário internacional, Estratégia Rotas de Integração Nacional é apresentada a representantes de outros países

Na manhã desta terça-feira (16), foi realizado o segundo dia do seminário internacional que apresentou a Estratégia Rotas de...

Morte de ex-aluno do Ifes em Nova Venécia completa oito meses; polícia ainda investiga o caso

Completou oito meses nesta terça-feira (16) desde a morte do ex-estudante do Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes),...

Ipec: Casagrande tem 52%, Manato, 10%, e Audifax, 7% das intenções de voto

  Renato Casagrande (PSB), Manato (PL) e Audifax (REDE) — Foto: Rede Gazeta Pesquisa do Ipec (ex-Ibope) divulgada nesta quarta-feira...

Prefeitura promove Copa Rural de Futebol Amador; fotos

Entre 13 de agosto a 26 de novembro, a Prefeitura de Barra de São Francisco, através da Secretaria...

INDICADORES: boi gordo registra elevação no preço nesta quinta-feira (18)

A cotação da arroba do boi gordo começou a quinta-feira (18) com alta de 0,76% e o produto...

Jovem é esfaqueado durante evento em Barra de São Francisco

Um jovem de 18 anos foi esfaqueado na região do abdómen durante uma cavalgada seguida de show musical...