Ceará é o estado com maior número de urnas substituídas na região Nordeste até o momento

Até as quatro horas da tarde deste domingo de eleições, o Ceará é o estado nordestino com maior número de urnas substituídas. Já foram 52 equipamentos de votação trocados na unidade da Federação. O quantitativo é pouco quando comparado ao número total de urnas no Ceará – representa 0,7%.

Eleições 2020: TSE não está cobrando multa de eleitores que justificaram ausência pelo e-Título

Brasileiros elegem Saúde e Emprego como prioridades para o Governo em 2021

Em Sergipe, 21 urnas precisaram ser trocadas e no Maranhão, 12. Pernambuco e Paraíba tiveram defeito apenas em dois equipamentos cada. Em nenhum estado do Nordeste, no entanto, houve registro de seção com votação manual. Até o último boletim do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em todo o país, apenas uma seção em São Paulo precisou do voto em papel.

O Ministério da Justiça também tem divulgado boletins com atualização de ocorrências em território nacional. Segundo o último informativo, desobediência às ordens da Justiça Eleitoral e boca de urna são os crimes eleitorais mais frequentes, a exemplo do que ocorreu no primeiro turno das eleições. Até as três horas da tarde, 53 pessoas haviam sido presas em todo o Brasil.

Foto: Fabio Pozzebom/Agência Brasil

Leia mais

Leia também