Cássio Barros vê time focado e ressalta união: “Fundamental”

Compartilhe

 

Ex-jogador com histórico de grandes equipes e de Seleção Brasileira, Cássio Barros foi anunciado como o primeiro treinador da história da equipe profissional do Nova Venécia Futebol Clube em 19 de maio, pouco menos de um mês após a criação do clube. A informação é de Jhon Martins, da Rede Notícia

Porém, as conversas entre técnico e direção de futebol já aconteciam desde novembro do ano passado, só que, de acordo com Cássio, com previsão de início em 2022, o que, na prática, foi antecipado e tem dado certo. “O projeto, na verdade, era para 2022. Em novembro do ano passado, tive uma primeira conversa com o Lucian, diretor de futebol do clube. Ele me apresentou tudo o que tinha em mente, porém, para o ano que vem. Em fevereiro deste ano, ele fez outro contato comigo e me avisou que começaria já em 2021, no mês de maio. Conversei com ele, disse que era um período muito curto, mas como já tinha toda estrutura encaminhada, como hospedagem e campo, além do planejamento de custo no organograma financeiro, e ok da Federação, com todas as taxas pagas, ele resolveu adiantar. Foi tudo bem corrido, mas deu certo, porque já estava bem organizado e esse planejamento facilitou a montagem do elenco”.

Após tudo certo, o treinador, junto ao departamento de futebol do Nova Venécia, teve que se desdobrar para montar o elenco que começaria a Série B do Campeonato Capixaba dois meses depois. E o resto, já está na história. “Depois de toda essa correria, fomos para a etapa de montagem de elenco, de ver jogadores, assistimos muito material. Alguns jogadores, eu já conhecia, outros o Lucian tinha contato, mas era muito pouco para se montar um elenco. A grande maioria, trouxemos sem ter nenhum conhecimento, só em cima da informações e material, mas eu acho que o segredo foi que nós conseguimos juntar os atletas e eles assimilaram muito rápido o trabalho e acreditaram no projeto, o que eu considero o mais importante de tudo. No meu modo de entender, a parte mais difícil nossa, que estamos gerindo pessoas, é fazer com elas acreditem no projeto e comprem sua ideia e quando sentimos que o grupo abraçou, foi que vimos que poderíamos alcançar o objetivo do acesso”.

» O treinador, Cássio Barros, foi um dos responsáveis pela montagem do elenco do Nova Venécia para a temporada, ao lado do diretor de futebol, Lucian Velasco

Grupo
“Isso é um ponto que eu converso muito com o Lucian e que Deus nos abençoou, porque conseguimos juntar 30 pessoas, um de cada canto, estamos aqui no mesmo lugar, dentro de um hotel, há sete meses. Desde meu tempo como jogador, essa é a primeira vez que eu vejo várias pessoas passarem tanto tempo juntas sem nenhuma desavença, nenhum problema. Isso foi fundamental”.

Ensinamentos
“Uma das coisas que eu trago comigo, que vou tentar manter sempre na minha carreira, por onde eu passar, é o respeito que temos que ter com o ser humano. Se você tratar sempre com a verdade, sendo o mais transparente possível, você consegue ter a confiança do jogador. Já tive vários treinadores e eu via que quando havia respeito, critério e sinceridade, as coisas fluíam melhor. Toda vez que eu passei por um grupo onde o treinador dava oportunidade a quem realmente merecia, de forma igual para todos, sem ter nenhum tipo de proteção, o resultado era melhor. Então, observei isso muito na minha época de atleta e trago isso comigo. Acho que a melhor maneira de se extrair algo de um grupo, é ele ver que você é uma pessoa sincera e verdadeira”.

Renovação de contrato
“Eu estou em um clube hoje que me dá possibilidade de disputar uma Série D de Campeonato Brasileiro, uma outra experiência na minha carreira, que está começando agora. Seria fundamental viver essa competição para um amadurecimento meu como profissional. Aqui, tudo que é combinado, é cumprido, o Lucian, apesar de ser jovem, tem uma visão enorme a nível de futebol, daquilo que o clube almeja. Eu sempre falo com os jogadores que estamos em um clube que nos dá condições de disputar, de estar brigando e isso, para uma carreira profissional, é fundamental e temos que aproveitar esse momento. Por isso, pelo Nova Venécia ter me dado essa oportunidade, também estou dando a eles. Aqui, há a possiblidade de crescer junto com o projeto. Isso, para mim, é importante, dar continuidade, participar da montagem do elenco, está sendo uma oportunidade enorme e estou aprendendo muito”.

Categorias de base
“A base é fundamental para a continuidade do clube. Sempre que posso, assisto aos jogos do sub 20, onde tem até alguns atletas que participaram do nosso trabalho no dia a dia durante a Série B. Eu também fui formado na base, trabalhei por mais de 10 anos em base de clubes e sei da importância. Sempre que tivermos a oportunidade, vamos tentar trazer alguém para participar com a gente e o clube poder desenvolver essa cultura de dar oportunidades aos mais jovens”.

Comissão técnica
“É fundamental ter pessoas qualificadas e de caráter ao seu lado e, hoje, tenho pessoas de total confiança comigo. O Jairo (auxiliar técnico), eu já conhecia, veio comigo do Rio de Janeiro, e aqui eu conheci os demais. A cada dia, eles têm provado todo o seu potencial e eu dependo de todos eles. Sem condições físicas, eu não consigo implementar a minha ideia de jogo, então, preciso que o Whadson (preparador físico), me dê jogadores em condições de realizar aquilo que eu penso a nível de jogo. Se não tiver essa ligação, eu também não consigo desempenhar o meu trabalho. Já o Jairo, nas minhas dúvidas, a gente está sempre discutindo, conversando e eu consigo executar bem meu trabalho. O Alex, eu dependo que ele me devolva meus jogadores o mais rápido possível. Todo estamos empenhados com o mesmo motivo e a minha comissão, para mim, é fundamental. Sem o apoio deles, sem essa empatia, eu não conseguir desenvolver aquilo que eu penso a nível de futebol”.

» Cássio e seu auxiliar técnico, Jairo Corsino

Expectativa
“É sempre a melhor possível. Sabemos que vai ser um jogo difícil, jogo único, onde tudo pode acontecer, então, temos que estar totalmente concentrado naquilo que vamos fazer. O trabalho é sempre voltado para fazer o melhor. O jogo, você não ganha ele no dia, mas sim, durante a semana, com muito trabalho no dia a dia para que nossos atletas cheguem e consigam executar da melhor maneira possível. Nosso trabalho foi muito em função de dar tranquilidade e de motivar os jogadores para que eles possam sentir confiança para executar e fazer aquilo que foi trabalhado, que eles possam se sentir à vontade, mesmo que seja uma final, para controlar um pouco a ansiedade e desenvolvam todo o potencial que eles têm”.

Torcida
“A torcida tem um papel fundamental e eu não poderia de deixar meus agradecimentos à Fúria do Leão, nossa torcida que fica atrás do gol fazendo aquele barulho e incentivando a nossa equipe. Quando você tem a simpatia da torcida com o time, a coisa muda e essa relação foi fundamental para nos fortalecer ainda mais na competição. Cria-se o hábito de que o Nova Venécia é forte em casa e quando tem a torcida, a pressão aumenta em cima do adversário”.

Balanço da temporada
“A Série B do Campeonato Capixaba foi a minha segunda conquista. Como profissional, fui campeão do Campeonato Tocantinense de 2019, mas cheguei no andamento da competição e aqui eu participei desde o início, o que, para mim, foi diferente. Entramos em uma Copa Espírito Santo com times da primeira divisão, vindo de um acesso, e jogar da maneira que jogamos contra times tradicionais te dá uma motivação especial, te dá mais ânimo e foi o melhor ano da minha carreira até aqui. Teremos a oportunidade de disputar mais um título e o balanço, até aqui, está quase 100%, os números são bons e agora é tentar fechar com chave de ouro e a perspectiva para 2022 ainda é melhor. Conseguimos o acesso, que nos dá uma outra visibilidade e, conforme o nível de exigência suba, nos obriga a evoluir mais”.

Leia também

Saiba os detalhes do luxuoso banquete de casamento de Lula que acontecerá nesta semana

  O luxuoso casamento do pré-candidato do PT à Presidência, Lula da Silva, com a Sra. Rosângela Silva, conhecida...

Com ajuda da cadela Jade, PM apreende drogas em Nova Venécia

A Polícia Militar apreendeu drogas na manhã desta quarta-feira, dia 11, no bairro Padre Gianni, em Nova Venécia....

Coordenadora e subsecretário visitam futura sede do Projeto Avivar

A coordenadora do Projeto Avivar, professora de Educação Física e personal trainer, Cleidmar Rezende, a Cleidinha, esteve visitando...

Polícia apreende 106 buchas de maconha em Água Doce do Norte

No final da tarde desta quinta-feira (12) policiais militares da Motopatrulha e da equipe de R.O. de Água...

Semana Nacional dos Museus começa nesta segunda

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) disponibilizou a programação da 20ª Semana Nacional dos Museus. O evento ocorre...

Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste passarão por onda de frio com mínimas de 10°C

A partir do início desta semana, as regiões Sudeste e Centro-Oeste, assim como o Sul do Brasil, passarão...

Músicos comemoram inauguração do estúdio da Notícia FM em Nova Venécia

  A Rádio Notícia FM inaugurou, na sexta-feira, dia 06, seu estúdio em Nova Venécia, em anexo à sede...