Capital Nacional do Agroturismo recebe visita da equipe da Setur

A colaboração para a definição do formato ideal de realização da tradicional Festa da Polenta, em Venda Nova do Imigrante, foi um dos pontos do diálogo realizado pela equipe da Secretaria de Turismo (Setur) com  representantes município, na última semana.

A secretária de Estado de Turismo, Lenise Loureiro, foi recebida pelo prefeito Paulinho Minetti e a secretária de Turismo do município, Carla Caliman, ao visitar o Centro de Eventos Padre Cleto Caliman, espaço onde é realizada a Festa da Polenta que, este ano, completa 43 anos.

“Nosso Espírito Santo é muito rico em todos os sentidos. Belezas naturais únicas, produtos originais, festas tradicionais, como é o caso da Festa da Polenta, que movimentam a economia e atraem turistas de todas as partes”, destacou a secretária Lenise Loureiro.

Ela acrescentou também que os eventos precisam se adaptar à realidade que vivemos. “O Governo do Estado monitora todos os índices relativos à pandemia e, aos poucos, está sendo possível a flexibilização de regras, mas este é um novo momento e, no caso dos eventos, é preciso uma adaptação, privilegiando a segurança de todos”, enfatizou.

No mesmo dia, a equipe da Setur esteve em alguns empreendimentos que compõem o Roteiro Agroturismo, como o Sítio Lourenção, um dos fabricantes do Socol, produto que tem Indicação Geográfica (IG) do Espírito Santo, além de visitar a Caprinova Sabonetes, a Arcade Artesanato, a Fazenda Carnielli e a Família Venturim.

Agroturismo

O Circuito de Agroturismo de Venda Nova do Imigrante foi classificado no edital do “Projeto Experiências do Brasil Rural”, organizado pelos Ministérios do Turismo (MTur) e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), junto à Universidade Federal Fluminense (UFF). O objetivo é impulsionar produtos e serviços da agricultura familiar, associados ao turismo, diversificando a oferta turística brasileira, além de apoiar a formatação e o posicionamento de produtos e roteiros de experiências no meio rural.

O município de Venda Nova do Imigrante, premiado pelo Ministério do Turismo devido ao pioneirismo no setor, em 2006, recebeu o título de Capital Nacional do Agroturismo.

A forma de trabalhar o agroturismo no Espírito Santo é específica no mundo das experiências de turismo rural. Desenvolvido no âmbito familiar, além de produzir, o agroturismo transforma a realidade rural, tornando o campo um atrativo, inclusive, turístico. Assim, os produtos agregam valor, gerando maior competitividade no mercado, oportunidades de emprego e distribuição de renda no campo.

O município de Venda Mova, além do roteiro de Agroturismo, conta com rampa de voo livre e áreas naturais, como o Lago Alta Bananeira, ideal para a prática de esportes aquáticos. Tem também áreas verdes que possibilitam caminhadas e a observação da natureza.  

Mais informações: www.descubravendanova.es.gov.br