Capes recebe propostas para programa de pós-graduação na Amazônia Legal

Programa da Amazônia Legal recebe propostas até dia 30 de junho

Cada proposta aprovada receberá financiamento de até R$ 627 mil.
– Foto:
Reprodução

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) recebe, até o dia 30 de junho, as propostas para o Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) na Amazônia Legal.  As instituições de ensino superior interessadas em participar devem enviar seus projetos com os Planos de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PPGs) pelo Sistema de Inscrições da Capes (Sicapes).

edital prevê o investimento até R$ 56,4 milhões em até 90 projetos de consolidação da pós-graduação na Amazônia Legal que oferecerão 720 bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado. A região da Amazônia Legal abrange oito estados — Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins —, além de parte do Maranhão. A ação incentiva propostas de PPGs em áreas estratégicas da região.

Segundo o presidente da Capes, Benedito Aguiar, um aspecto importante desse programa é o estímulo à formação de redes de colaboração entre as instituições de ensino superior da Amazônia Legal e de outras partes do País. “Implementar o Programa na região contribuirá para a redução de assimetrias no Brasil, a partir do fortalecimento da pesquisa em temas de grande relevância para o desenvolvimento científico-tecnológico brasileiro”, explicou.

Serão apoiados projetos para consolidar iniciativas já existentes, criar novas áreas de concentração ou programas dentro das áreas englobadas pelo edital. Cada proposta aprovada receberá financiamento de até R$ 627 mil, sendo R$ 200 mil para custeio e R$427 mil para os benefícios. As Instituições selecionadas terão duas bolsas de mestrado com duração de 24 meses, duas de doutorado, com 36 meses, e quatro de pós-doutorado, com 12 meses. As instituições serão responsáveis pela seleção dos próprios bolsistas.

Com oito áreas temáticas, entre elas saúde pública, doenças tropicais e tecnologias para o trabalho em saúde, combate e prevenção voltados ao enfrentamento de epidemias, clima, energia e recursos hídricos e diversidade sociocultural, sustentabilidade e atividades socioeconômicas, o Programa é voltado para a formação de recursos humanos qualificados na região e o equilíbrio regional da pós-graduação brasileira, por meio da fixação de pesquisadores de alto nível nas instituições participantes.

As propostas de Planos de Desenvolvimento da Pós-Graduação, deverão ser enviadas à Capes até as 17h, do dia 30 de junho, por meio do link: http://inscricao.capes.gov.br/

 

Leia mais

PIB agropecuário deve crescer 3,2% em 2021, projeta Ipea

A expectativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do setor agropecuário foi revista de 2% para 1,5%, de acordo com o Instituto de...

Psol oficializa candidatura de Gilberto Campos à Prefeitura de Vitória

  O Partido Socialismo e Liberdade (Psol) oficializou no sábado (12) a candidatura de Gilberto Campos à Prefeitura de Vitória. O anúncio aconteceu durante a...

Comitês de Bacias Hidrográficas do Espírito Santo mantêm reuniões por videoconferência

Para cumprir o calendário de reuniões previstas para 2020, membros do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São...

Barra de São Francisco tem 101 casos confirmados de Coronavírus e 3 óbitos

O município de Barra de São Francisco ultrapassou nesta segunda-feira,01/06/2020, a marca de cem casos confirmados de Coronavírus. De acordo com divulgação da prefeitura, foram...

Leia também

MG: Crea apresenta propostas de engenharia, agronomia e geociências para candidatos nas eleições municipais

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) de Minas Gerais apresentou uma carta de propostas de geociências, agronomia e engenharia aos candidatos ao...

BA: UPB afirma que competência de fiscalizar servidor que recebe auxílio é da União

A Coordenação Jurídica da União dos Municípios da Bahia (UPB) decidiu que os municípios não possuem competência, nem aparato técnico para o controle do...

Governo estuda transformar fundos de desenvolvimento regional em fundos de natureza privada

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) estuda transformar Fundos de Desenvolvimento Regional do Norte, do Nordeste e do Centro-Oeste em fundos de natureza privada....

RN: Secretaria do estado orienta unidades de saúde a investigarem possíveis casos de reinfecção por Covid-19

A Secretaria de estado de Saúde Pública do Rio Grande do Norte solicitou, por meio de nota técnica, que as unidades de saúde acompanhem...