Caminhão de lixo tomba e atinge casa em Colatina

Uma das ruas mais íngremes do município de Colatina foi palco de um acidente nesta manhã de domingo, (11). Um caminhão coletor de lixo da Prefeitura Municipal de Colatina, segundo informações de populares, perdeu o freio e, devido à ladeira acentuada, ganhou velocidade e não conseguiu fazer a curva, tombou e atingiu uma residência.

A Rua Francisca Pergentina Teixeira, que dá acesso aos bairros Simonassi e Fioravante Marino, é conhecida por ser uma das mais íngremes de Colatina. Os motoristas que por lá percorrem têm que ter a atenção redobrada, pois qualquer problema pode ocasionar um acidente grave.

Foi o que aconteceu por volta das 10hs deste domingo, onde moradores estavam em suas residências e, de um momento para o outro, ouviram um barulho alto e quando saíram de suas residências se depararam com um caminhão de lixo tombado e com a caçamba dentro da garagem de uma residência.

Segundo populares que chegaram ao local minutos depois do acidente, o motorista alegou que perdeu o freio, tentou ainda fazer a curva, mas, devido à inclinação da rua e pela velocidade, perdeu o controle da direção e tombou.

Na casa, as avarias foram consideráveis, pois a caçamba do caminhão coletor de lixo, ao tombar, entrou na garagem, causando destruição. “Estamos aguardando a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros para analisarem se ocorreu algum problema com a parte estrutural da casa”, revela uma pessoa que estava retirando os destroços da garagem.

O caminhão permanece no local tombado. A sua retirada precisa de uma ação planejada, pois poderá ocasionar mais avarias na residência caso não seja retirado corretamente.

O Resgate do Corpo de Bombeiros chegou rapidamente no caminhão de lixo e conseguiu retirar o motorista. Populares disseram que o mesmo sofreu fraturas no braço e na perna, fato não confirmado pelo Corpo de Bombeiros até o fechamento desta matéria.

Mesmo com todas as características de um acidente fatal, não ocorram ferimentos graves tanto por parte dos profissionais do serviço de limpeza do município, quanto por parte dos moradores da residência atingida.

ES Fala

Leia mais

Leia também