Câmeras registram passagem de meteoro no céu do Espírito Santo

 

Um meteoro brilhante, também chamado de bólido, cruzou o céu de Vitória na madrugada do último sábado (18). As imagens foram divulgadas pela TV Gazeta.

As imagens foram captadas pelas câmeras instaladas na casa da administradora Luciana Fontes, associada ao grupo de monitoramento de meteoros, Exos Ciência Cidadã.

O projeto é integrado por astrônomos amadores e profissionais e tem o objetivo de estudar os meteoros no Brasil.

O Espírito Santo conta com cinco estações e sete câmeras. Duas dessas câmeras ficam na casa da Luciana, que tem ainda uma terceira câmera para vigilância particular.

 

Administradora de empresas, Luciana sempre foi apaixonada por astronomia e, por isso, decidiu ser uma das voluntárias do grupo.

“Faço parte do projeto desde que começou, em 2015. Tenho uma câmera que fica ligada 24h e pode registrar dia e noite. As outras duas são ligadas ao sistema da CAMS/Nasa e ficam ativas somente à noite”, contou.

De acordo com ela, o meteoro com magnitude estimada em -4 cruzou os céus de Vitória, no sentido norte, por volta de 1h38. Duas câmeras registraram o meteoro, que teve duração de quatro segundos.

O professor da Ufes e diretor técnico-científico do Planetário de Vitória, Sérgio Bisch, explicou que os bólidos são meteoros brilhantes.

“Todo dia tem meteoro caindo, mas a maioria é pequeno. Quando é bólido, ele tem um pouco mais de energia e, por isso, é possível ver um risco brilhante”, disse. Ainda de acordo com o professor, um meteoro com magnitude -4 tem ainda mais brilho.

As outras câmeras de observação espacial dos voluntários do projeto ficam: uma na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes); três em Guarapari; e uma em Colatina, no Noroeste do estado.

Passagem de meteoro foi captada por câmeras de moradora de Vitória — Foto: Divulgação

Passagem de meteoro foi captada por câmeras de moradora de Vitória — Foto: Divulgação