Câmara aprova projeto que dispensa licitação na compra de medicamentos contra Covid-19

A Câmara dos Deputados aprovou um projeto que dá liberdade aos órgãos públicos brasileiros de realizar, sem licitação, a compra de insumos e medicamentos de eficácia comprovada no combate à Covid-19, durante a emergência provocada pela pandemia.

Covid-19: plasma pode ajudar no tratamento de infectados

Covid-19: planos de saúde tiveram 1 milhão de adesão durante pandemia

O Projeto de Lei 1295/21, apresentado pelo deputado Rodrigo de Castro (PSDB-MG), foi aprovado nessa quinta-feira (29), pelo Plenário da Câmara e agora será enviado para análise no Senado. De acordo com o texto, o gestor deverá apresentar uma justificativa técnica para a compra e preço contratado, divulgando-os  após cinco dias úteis na internet.

Segundo a proposta, nessa divulgação de informações, devem constar o nome e o CNPJ ou identificador de empresa estrangeira, o prazo e o valor do contrato, a discriminação do bem ou serviço, além da quantidade entregue para cada estado ou município se a compra for feita para mais de um ente federado. 

Foto: Martin Lopez (Pexels)Foto: Martin Lopez (Pexels)

Leia mais

Leia também