Caixa reduz juros e estende prazos de pagamentos de dívidas

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou em coletiva de imprensa, no início da tarde desta sexta-feira (27), que o banco irá reduzir juros em todas as linhas de crédito e aumentará prazos para pagamentos. “Ofertamos R$ 111 bilhões. Em uma semana, mais de R$ 20 bilhões foram emprestados pela Caixa. Todas as linhas de crédito terão taxas reduzidas”.

De acordo com ele, os juros chegaram a 2,9% ao mês. “É caro, queremos reduzir mais”, afirmou Guimarães. “As micro e pequenas empresas tem uma dificuldade maior. É o segmento de empresas que tem mais dificuldades para os bancos entenderem. A Caixa está aberta a várias soluções. Não existe uma apenas é este conjunto que vai permitir a solução do problema econômico”.

Guimarães afirmou que o cheque especial foi reduzido de 14% ao mês para 2,9% ao mês. A intenção, segundo ele, é reduzir ainda mais, mas, até o momento, este é o patamar alcançado. O rotativo de cartão de crédito passou de 7,7% ao mês para 2,9%. Ele anunciou ainda que há uma oferta de crédito para as santas casas no valor de R$ 5 bilhões, com uma redução de 20% para 10% ao ano.

Leia mais

Leia também