Caderneta Vacinal em dia

Compartilhe

Olá, aqui é Fabi Costa, e hoje a gente vai falar sobre a importância de estar com as vacinas em dia. Está começando o último episódio do podcast Onde Tem SUS, tem vacina.

Vacina é um assunto que faz parte da nossa história, desde que a gente se entende por gente. Grande parte das vacinas são administradas na infância e integram o Calendário Nacional de Vacinação, recomendado pelo Ministério da Saúde. Os imunizantes estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde e postos de vacinação em todo Brasil, gratuitamente. Foi graças a essa vacinação que o Brasil eliminou doenças como a poliomielite e a rubéola. Vamos ouvir a Dra Angela, pediatra, de São Paulo, pra saber mais sobre o assunto.

“A vacinação contra a poliomielite, também conhecida como pólio ou paralisia infantil, é considerada uma das mais importantes e deve ser administrada em crianças menores de cinco anos. O esquema vacinal para este imunizante é composto de três doses mais dois reforços. A doença é considerada oficialmente eliminada do território nacional desde 1994, mas é preciso que as crianças recebam todas as doses, para não correr o risco dela voltar”. 

Ouviram Dra Angela, ne? Outra doença que merece atenção de pais e responsáveis é o sarampo. Casos da doença ainda estão sendo registrados no Brasil e a população precisa estar vacinada, para diminuir o risco de complicações e até mesmo óbitos pelo sarampo. O indicado é tomar duas doses da vacina, sendo a primeira dose aos 12 meses e a segunda, aos 15 meses de idade. Vamos ouvir o Luis Fernando, baiano, um paizão super responsável.

“Olha, lá em casa as crianças estão todas com as vacinas em dia. Tudo anotado na caderneta, pra gente não esquecer o dia. Aqui na nossa família, vacina é lei”. 

Muito bem, Luiz, exemplo para painhos e mainhas por todo o país. Outra doença que, se a gente vacilar, aparece, é a febre amarela. As crianças menores de cinco anos de idade devem receber uma dose da vacina aos nove meses de vida e uma dose de reforço aos quatro anos. Pessoas a partir de cinco anos, nunca vacinadas, deverão receber apenas uma dose para garantir a proteção por toda vida. Dra Angela, a senhora pode relembrar pra gente quais são as vacinas que não podem faltar para as crianças? 

“Toda criança tem o direito de receber as vacinas contra tuberculose, poliomielite, difteria, tétano, coqueluche e meningite, e ainda contra sarampo, rubéola, caxumba, hepatite B e febre amarela. Assim ela tem tudo para crescer protegida”. 

Afinal, a lição que as vacinas salvam vidas a gente aprende desde pequenininho, e leva pra vida toda. E assim, vamos chegando ao fim da série de podcasts Onde tem SUS, tem Vacina. Um programa feito de números atuais e histórias reais de como nosso Sistema Único de Saúde salva vidas.

Foto: Tânia Rêgo/Agência BrasilFoto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Leia também

Bandidos armados invadem casa e roubam carro no interior de Boa Esperança

Uma picape Fiat Strada, de cor branca, foi roubada na manhã da última sexta-feira (12), na zona rural...

Ônibus da Moretti que leva universitários de Barra de São Francisco para Nova Venécia bate em vaca

Um ônibus da Viação Moretti, que leva universitários de Barra de São Francisco para Nova Venécia, se envolveu...

SEMTE constrói mais dois bueiros no Denzol e uma ponte em Monte Sinai

Mais dois bueiros com manilhas e uma ponte em escória de granito foram construídos pelos servidores da Secretaria...

Barra de São Francisco vai criar Comitê de Enfrentamento às Mudanças Climáticas

A Secretaria do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMMA) preparou esta semana a minuta do Projeto de Lei...

Obra da Transnordestina poderá ser retomada com recursos do Fundo de Investimento do Nordeste (Finor)

Com a recente decisão do Tribunal de Contas da União (TCU), que autorizou a utilização de financiamento por...

Prefeitura decreta ponto facultativo na segunda (22)

  Na próxima segunda-feira, 22 de agosto, será ponto facultativo nas...

Mais de 250 mil motoristas de táxi recebem o primeiro lote do auxílio

O Ministério do Trabalho e Previdência iniciou o pagamento das duas primeiras parcelas de R$ 1.000 (cada) do...

Vitamina D pode trazer benefícios e malefícios para a saúde

Os índices de vitamina D no corpo merecem atenção especial, pois podem beneficiar ou prejudicar a saúde. O...