Brasil investe mais que a média dos países avançados no combate ao novo coronavírus

Compartilhe

Secretário especial de Fazenda Waldery Rodrigues

Foto: Divulgação

O Brasil está investindo mais que a média dos países avançados e quase o dobro do que as nações emergentes para combater os efeitos do novo coronavírus. As medidas brasileiras de combate à pandemia da Covid-19 já anunciadas representam um impacto primário equivalente a 4,81% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2020. A média dos países avançados é de 4,3% do PIB. Entre os emergentes, a média é de 2,3%. Os números foram apresentados pelo secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, nessa sexta-feira (01).

Do total de R$ 253 bilhões  de recursos autorizados até agora, já foram pagos R$ 59,9 bilhões. O maior volume de despesas já pagas até agora é com o auxílio emergencial a pessoas em situação de vulnerabilidade (Coronavoucher): R$ 35,6 bilhões.

Esforço fiscal

“É de R$ 349,4 bilhões o esforço fiscal adicional do governo em reação ao coronavirus”, destacou o secretário especial. Esse valor leva em conta retração de R$ 16 bilhões nas receitas e aumento de R$ 333,4 bilhões nas despesas neste ano, considerando medidas adotadas e algumas anunciadas até o momento.

Pelo lado da receita estão medidas como as de isenção das alíquotas de importação para produtos de uso médico-hospitalar (R$ 7,8 bilhões) e redução temporária da cobrança do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) nas operações de crédito (R$ 7,1 bilhões). As principais despesas referem-se ao Emergencial – Coronavoucher (R$ 123,9 bilhões), o Benefício Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda – BEM (R$ 51,6 bilhões) e o Programa Emergencial de Suporte a Empregos – PESE (R$ 34 bilhões).

“Em termos de impacto agregado, estamos acima da média mundial. Nossa ação foi célere, focada, buscando alta efetividade, defendendo os mais vulneráveis, assim como a manutenção do emprego, sempre com transparência”, disse o secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, ao apresentar, em entrevista coletiva virtual, balanço das ações de enfrentamento à Covid-19 tomadas até agora.

Confira a apresentação Divulgação e Transparência das Ações de Enfrentamento à Covid-19

Fonte: Com informações do Ministério da Economia

Leia também

Descaracterização de barragens pode ser antecipada

O esvaziamento da barragem é a principal etapa do trabalho de eliminação da estrutura. A atividade é executada...

Preço do litro de gasolina cai novamente em Nova Venécia

  O valor do litro de gasolina voltou a cair pela segunda semana seguida, em Nova Venécia. A informação...

Espírito Santo tem vagas de estágio abertas com bolsas de até R$ 1.000

  O Espírito Santo tem vagas de estágio abertas para os níveis médio, técnico e superior. As bolsas de estágio...

Ex-deputado e ex-prefeito de Mantena sofre acidente automobilismo nesta terça feira (05) na saída de Central

O ex deputado estadual de Minas Gerais, Ermano Batista, sofreu acidente de carro na manhã desta terça feira...

Astrologia: é destino ou podemos escolher nossos caminhos?

  Estudo milenar que analisa a posição dos astros no céu explica sobre como funciona a ideia de destino...

Homem sofre tentativa de homicídio em bar em Vila Pavão

Na tarde deste domingo (03), em Vila Pavão, um homem de 33 anos foi vítima de tentativa de...

Taxa de desemprego fica abaixo de 10% no Brasil, menor nível desde 2015

LEONARDO VIECELI RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - A taxa de desemprego no Brasil recuou para 9,8% no...

INDICADORES: Preço do boi gordo tem baixa nesta quarta-feira (6)

A cotação da arroba do boi gordo começou a quarta-feira (6) com baixa de 0,43% e o produto...