Brasil: grávida é morta e tem bebê arrancado da barriga

Uma grávida foi morta e teve o bebê retirado da barriga nesta quarta-feira (17), em Macaé, no Rio de Janeiro.

O laudo preliminar da necropsia apontou que a gestante Pâmela Ferreira Andrade Martins, de 22 anos, sofreu perfurações no coração, causadas por uma arma branca.

A suspeita de cometer o crime, identificada como Priscilla Torquato da Silva, de 21 anos, foi presa após dar entrada em uma Unidade de Pronto Atendimento no bairro junto com o bebê afirmando que havia tido um parto em casa.

O bebê chegou a ser atendido, mas morreu poucos instantes depois por asfixia após broncoaspirar líquido amniótico.

Os corpos de mãe e filho foram liberados após perícia e foram sepultados nesta sexta-feira (19), em Carapebus, também no Rio de Janeiro.

Suspeita disse ter encomendado bebê

A suspeita de matar mãe e filho, Priscilla Torquato da Silva, confessou o crime em depoimento e afirmou ter encomendado o bebê. Com a suspeita, foi encontrada uma bolsa de maternidade em que estava guardado um estilete e as chaves da casa da vítima. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil carioca.

Leia mais

Leia também