Brasil destina R$ 4,7 bilhões em políticas de proteção a comunidades tradicionais

indígenas

– Foto:
Fotos Públicas

Comunidades indígenas e quilombolas do estado do Maranhão já começaram a receber cerca de R$19,5 mil cestas básicas do Governo Federal. A ação faz parte do Plano de Contingência que visa a minimizar os efeitos da pandemia do novo coronavírus. A previsão é destinar um total de R$ 4,7 bilhões em políticas de proteção a comunidades indígenas e povos tradicionais.

Os alimentos foram adquiridos pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) com R$ 45 milhões, a partir da doação de recursos do  Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH). 

As cestas são compostas por arroz, feijão, açúcar, farinha de mandioca, leite em pó, flocos de milho, macarrão e óleo de soja. Serão entregues, com o apoio da Fundação Nacional do Índio (Funai) e da Fundação Cultural Palmares (FCP), 18.382 unidades para povos indígenas e 1.134 para quilombolas, num total de aproximadamente 429 toneladas de alimentos.

Balanço

Em maio, foram entregues 43,4 mil cestas de alimentos. As unidades foram para comunidades indígenas e tradicionais localizadas nos estados de Minas Gerais (8 mil), Rio Grande do Sul (9 mil), Paraíba (4,1 mil), Pernambuco (2,8 mil), Bahia (10,5 mil), Alagoas (400), Maranhão (270), Mato Grosso (7,8 mil), Rio Grande do Norte (179), Santa Catarina (210).

A medida beneficiará cerca de 154 mil famílias em mais de três mil comunidades indígenas espalhadas pelo País e tem o objetivo de assegurar que os índios não precisem sair das aldeias em busca de alimentos.

De acordo com a ministra Damares Alves, o Governo Federal tem somado esforços para combater os efeitos da pandemia. “Esse trabalho conjunto é fundamental para que a gente atenda da melhor forma possível as nossas comunidades indígenas e povos tradicionais. Unidos, não vamos deixar ninguém para trás”, ressaltou.

A distribuição de cestas em todo o País mobilizará 39 Coordenações Regionais da Funai, 240 Coordenações Técnicas Locais, 11 Frentes de Proteção Etnoambiental e 20 Bases de Proteção Etnoambiental. A iniciativa conta com suporte logístico do Ministério da Defesa. A Sesai é responsável pelo cumprimento dos protocolos sanitários, o que inclui a higienização dos itens.

 

Fonte: Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos 

 

Leia mais

Se eleições forem adiadas, juízes podem assumir prefeituras

A disputa está marcada para outubro, mas a falta de perspectiva de quando a crise se encerrará preocupa políticos e magistrados  Por Vinícius Valfré  /...

Espírito Santo tem quase 1,5 mil novos casos de Coronavírus em 24h; total de óbitos chega a 937

O Espírito Santo registrou, até esta quarta-feira (10), 937 mortes por Covid-19. O número de casos confirmados chegou a 23.391, sendo que 4.514 são profissionais de...

Brasil alcança marca de 80% de curados da Covid-19

O Ministério da Saúde divulgou os números a respeito da pandemia da Covid-19 no Brasil. De acordo com as informações apresentadas, o país registrou...

ES: fazendeiro acusado de envolvimento em chacina é morto a tiros

Manoel Lemos Freire, de 54 anos Um fazendeiro de 54 anos foi morto a tiros na noite deste sábado (12) no bairro Santo André, em...

Leia também

Governo anuncia simplificação do eSocial e modernização de normas do trabalho

Segundo o Ministério da Economia, o texto atual estava em vigor desde 2005 e dificultava e inviabilizava a adoção de soluções trabalhistas no setor...

“Perdemos um terço da estrutura produtiva. Nossa retomada vai depender do aumento do consumo no Brasil”, diz coordenadora de Inteligência de Mercado da Abicalçados

A crise causada pela pandemia da Covid-19 teve impacto significativo no mercado calçadista brasileiro. O Brasil é o quarto maior produtor mundial de calçados,...

Novo regulamento para o setor de radiodifusão passa a valer a partir de 3 de novembro

O setor de radiodifusão vai passar por uma série de mudanças em sua regulamentação. A principal delas é o novo Regulamento sobre Canalização e...

Mobilização pelo Emprego e Produtividade promete facilitar a vida de empreendedores

Com a pandemia, não foi só a saúde que enfrentou dificuldades. Até final de julho deste ano, mais de 13 milhões de brasileiros ficaram...