Biden telefona para Netanyahu e diz apoiar ‘cessar-fogo’ em Gaza


(Reuters) – O presidente dos EUA, Joe Biden, em uma ligação com o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu na segunda-feira, expressou seu apoio a um cessar-fogo nos combates entre Israel e militantes palestinos, disse a Casa Branca.

A declaração da Casa Branca sobre a chamada não se refere a nenhuma resposta de Netanyahu ao comentário de Biden sobre um cessar-fogo.

“O presidente expressou seu apoio a um cessar-fogo e discutiu o envolvimento dos EUA com o Egito e outros parceiros para esse fim”, disse a Casa Branca.

Israel continuou a golpear Gaza com ataques aéreos na segunda-feira e militantes palestinos lançaram mais foguetes contra cidades israelenses. 

Pelo menos 212 palestinos foram mortos, incluindo 61 crianças e 36 mulheres, em mais de uma semana de combates, de acordo com autoridades de saúde de Gaza. Dez pessoas foram mortas em Israel, incluindo duas crianças.

Biden “encorajou Israel a fazer todos os esforços para garantir a proteção de civis inocentes”, disse a Casa Branca.

“O presidente reiterou seu firme apoio ao direito de Israel de se defender contra ataques indiscriminados de foguetes”, disse o documento.

A Casa Branca disse que os dois líderes também “discutiram o progresso nas operações militares de Israel contra o Hamas e outros grupos terroristas em Gaza”.

O braço armado do Hamas prometeu lançar mais foguetes contra Israel em troca de mais ataques israelenses.

(Foto: Reuters)

Leia mais

Leia também