Batalhão de Missões Especiais inicia o I COESP 2022

Compartilhe

A Polícia Militar do Espírito Santo, através do Batalhão de Missões Especiais (BME), deu início, nesta quarta-feira (29), ao I Curso de Operações Especiais (I COESP). A aula inaugural ocorreu às 16h, na Academia de Polícia Militar (APM), em Cariacica.

Após passarem por rigorosos testes de aptidão física e de habilidades especiais, iniciaram o curso 29 inscritos, sendo 21 da PMES e oito de corporações coirmãs (um 3º Sgt da PMAM; um 3º Sgt da PMMS; um PCES; um PCPA; um PRF; e três PPES-Sejus).

O curso tem previsão de término para o dia 16 de setembro de 2022. Serão 812 horas/aula, perfazendo um total de 81 dias.

O objetivo do COESP é capacitar o aluno a desempenhar atividades de Operações Policiais Especiais, especializando-o para o atendimento de ocorrências de alto risco e cumprimento de missões de grande complexidade e valor estratégico para o Comando da Corporação. Além disso, os formados poderão atuar como multiplicadores na Polícia Militar do Espírito Santo, por intermédio da docência, sobre os assuntos de Operações Especiais.

O corpo de instrutores do curso conta com diversos especialistas em várias áreas e que atuam com excelência na PMES e em outras instituições, como o CBMES, a PRF, a PF, a SEJUS e o EB.

Para o comandante-geral da PMES, coronel Douglas Caus, a Polícia Militar, através do governador Renato Casagrande, venceu o primeiro grande desafio que foi retornar com o Batalhão de Missões Especiais. “E não foi um retorno qualquer. Recebemos investimentos importantes que reestruturaram as instalações físicas da Unidade, bem como possibilitaram a construção de uma nova quadra poliesportiva. Temos também um processo de compra de armamentos em andamento e um projeto para criar um stand de tiro indoor”, enumerou.

Com todas essas conquistas, o coronel Caus ainda ressaltou a qualificação dos policiais militares através dos cursos oferecidos pelo Batalhão, tais como o de Controle de Distúrbios Civis (CDC), de Negociador e o de Atirador de Elite. “Agora com o COESP, teremos a formação de policiais especiais, uma vez que passarão por situações extremas que não são superadas por indivíduos comuns. Aqueles que conseguirem chegar até o final serão os futuros caveiras da Polícia Militar do Espírito Santo”, afirmou.

Antes do encerramento da aula inaugural, os presentes participaram de uma palestra com o lendário ex-comandante do Batalhão de Missões Especiais, o coronel reformado Juarez Monteiro da Silva. Na oportunidade, ele foi homenageado pela sua trajetória no BME, e por deixar um importante legado para os atuais comandantes da Unidade e para a sua tropa.

Leia também

Lote 5: fotos do show de Michel Teló no 1º Leilão Solidário de Barra de São Francisco

Aconteceu neste sábado, 6 de agosto de 2022, o 1º Leilão Soldiário de Barra de São Francisco. O...

Time do 2º BPM é vice-campeão da Copa ACS de Futebol Feminino

  As Leoas do Norte, time que representa o 2º Batalhão de Polícia Militar, foi vice-campeão da 1ª Copa...

ES: assaltantes armados invadem casa de luxo e fazem médico e família reféns

    Casa de luxo invadida na Ilha do Boi, em Vitória Dois assaltantes armados invadiram uma casa de luxo e...

Vila Pavão prepara nova área para realização da 23ª Pomitafro

  Contagem regressiva em Vila Pavão. Falta pouco mais de uma semana para o município realizar seu maior evento...

Lote 3: fotos do show de Michel Teló no 1º Leilão Solidário de Barra de São Francisco

Aconteceu neste sábado, 6 de agosto de 2022, o 1º Leilão Soldiário de Barra de São Francisco. O...

Maiores mineradoras investem em aumento de capacidade e melhoria da produtividade

As 200 Maiores Empresas de Mineração responderam por quase 92% do valor total da Produção Mineral Brasileira em...

Vídeo de bebê capixaba alcança mais de 18 milhões de visualizações

  A veneciana Clara Servare Ferrari, de apenas dois meses, está bombando na Internet. É que um vídeo da...

Três cidades de Minas Gerais atingidas por desastres receberão mais de R$ 2 milhões para ações de defesa civil

Três cidades de Minas Gerais atingidas por desastres naturais vão receber mais de R$ 2 milhões para ações...