Banestes é a maior empresa de serviços financeiros e seguros do Espírito Santo, pelo 2º ano consecutivo

Compartilhe

O Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) conquistou o 1º lugar na categoria “Maiores Empresas de Serviços Financeiros e Seguros”, da 25ª Edição do Anuário IEL 200 Maiores e Melhores Empresas no Espírito Santo – 2021. O resultado foi alcançado pelo segundo ano consecutivo e, no ranking geral das maiores e melhores empresas do Estado, o Banestes se classificou na 9ª posição.  A divulgação ocorreu nessa quinta-feira (02), pelo Instituto Euvaldo Lodi (IEL-ES), do Sistema Findes.

O anuário traz informações sobre o desempenho econômico-financeiro de companhias e grupos empresariais do Espírito Santo, em variados segmentos da economia. Para a apuração do resultado, a lista toma como base a Receita Operacional Líquida (ROL) no exercício de 2020. O Banestes figura entre as dez maiores empresas do Espírito Santo, ao lado de empresas do setor petrolífero, de mineração, aço e energia. 

Além disso, o anuário apresenta outros rankings com indicadores. O Banestes é destaque nos quesitos maior ativo (1º lugar), patrimônio líquido (2º lugar), empresas mais lucrativas (4º) e empregadora (9º).

Ainda segundo o ranking de Maiores Empresas de Serviços Financeiros e Seguros, a Banestes Seguros ocupa a 2ª colocação, e, entre as Melhores Empresas de Serviços Financeiros e Seguros a seguradora conquistou a 7ª colocação. No ranking das 100 Maiores Empresas Capixabas, a Banestes Seguros ocupa a 50ª colocação. 

Outro grande destaque do anuário é a Banestes Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários (Banestes DTVM). A empresa subsidiária do Banestes S.A obteve o 4º lugar no ranking de Melhores Empresas de Serviços Financeiros e Seguros e o 6º lugar do ranking Melhores Empresas. Também obteve resultados nas categorias de lucros por empregado (1º), margem Ebitda (3º) e receita líquida por empregado (5º).

O diretor-presidente do Banestes, José Amarildo Casagrande, destacou a importância do banco para o Estado, durante participação no evento Fórum IEL de Gestão 2021, que marcou o anúncio oficial do ranking de 2021. “O Banestes desempenha um importante papel no fortalecimento da economia do Espírito Santo. A atuação estratégica do banco teve relevância ainda maior durante as ações de enfrentamento dos impactos da pandemia da Covid-19”, pontuou. 

“Somos um banco parceiro da população e dos empreendedores capixabas. E o reconhecimento atesta ainda mais a sustentabilidade operacional e a solidez do banco estadual. Permanecemos focados em ofertar soluções eficientes, inovadoras e em evoluir e modernizar os nossos serviços, para que a experiência dos nossos clientes capixabas seja cada vez melhor”, acrescentou Amarildo Casagrande.

Leia também

Polícia estoura boca de fumo em Água Doce do Norte

No final da tarde desta quinta feira (12) policiais militares da Motopatrulha e da equipe de R.O. de...

Iolanda Neves é eleita a Gari do Ano da prefeitura de Barra de São Francisco

A prefeitura de Barra de São Francisco, estará entregando, neste sábado, 14, às 19h, durante a Feira Gastronômica...

Aluna de escola pública de Nova Venécia atinge nota máxima em redação na plataforma Letrus

  Reportagem: Cintia Zaché, da Rede Notícia A aluna da 3ª série do Ensino Médio, da Escola Estadual de Ensino...

Conta de luz explode e deflagra debate sobre como reduzir preço

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Após dois anos com medidas para segurar aumentos, os reajustes da conta de luz...

Dez municípios disputam a fase regional dos JEES em Barra de São Francisco

Dez municípios do noroeste capixaba começam na próxima segunda-feira, 16, a disputar a fase regional dos Jogos Escolares...

Idosa é atacada por cães enquanto andava na rua no Espírito Santo

Uma idosa de 69 anos foi atacada por dois cachorros enquanto andava na rua no bairro Cruzeiro do...

Agência Brasil explica: quem pode ser candidato no Brasil

Este ano, os eleitores brasileiros voltarão às urnas para eleger o presidente da República, deputados federais, estaduais e...

ES: empresário perde 10 milhões em golpe do falso investimento

Criminosos têm desenvolvido cada vez mais técnicas para aplicar golpes no Estado. Prova disso são os 13.526 novos...