Aula de campo no entorno de escola reforça aprendizagem para alunos de Guarapari

A Escola Estadual de Ensino Fundamental (EEEF) Manoel Rozinho da Silva, localizada no município de Guarapari, tem valorizado a aplicação de aulas de campo no entorno da instalação do colégio. O objetivo é desenvolver a metodologia de formação de conhecimento didática aplicada à prática, bem como ferramenta para o fortalecimento do sentimento de pertencimento à comunidade local.

Diante desta diretriz, que orienta para este novo formato de aula, alguns professores da instituição já relatam as experiências positivas na aplicação do recurso. O professor de Geografia, Douglas Bonela, por exemplo, contou que por meio do relevo encontrado na região foi possível estruturar um trabalho em que os estudantes analisariam in loco aspectos da natureza discutidos em sala de aula.

Já o professor de Ciências, Robson da Silva, utilizou a região de estuário do rio Meaípe para abordar questões relacionadas ao ambiente, tais como os ecossistemas de manguezal e marinho, o descarte do lixo, a decomposição de matéria orgânica e a preservação ambiental. Por ser um ambiente bastante rico em diversidade ecológica, em uma segunda oportunidade, o professor desenvolveu uma aula sobre a solubilidade dos elementos.

Deste mesmo modo, Anderson Ricardo Azevedo, professor do Ensino Fundamental, aproveitou os espaços públicos para trabalhar conceitos de cidadania, direitos e deveres da população. A pedagoga Flávia Nessrala Nascimento destaca que “os profissionais utilizaram o entorno da escolar para ministrar suas aulas ou como ponto de prática social inicial como ponto de prática social final. Tais atividades também ajudam a reforçar o sentimento de pertencimento da comunidade com o local”, afirmou.

Leia mais

Leia também