Após Londres retirar licença de rede chinesa, China proíbe BBC por causa de notícias falsas sobre os uigures


A BBC World News foi proibida de ir ao ar na China por conta de reportagens sobre o país que, segundo a Administração Nacional de Rádio e Televisão (NRTA), infringiram os princípios de veracidade e imparcialidade no jornalismo.

Os chineses afirmam que a decisão de suspender sua transmissão envia uma mensagem clara de que a China não aceita notícias falsas. Antes disso, o governo inglês proibiu a rede 5G chinesa, da Huawei, no Reino Unido.

O motivo principal do banimento da BBC foi uma reportagem sobre uma suposta situação dos uigures (minoria étnica) nos campos de detenção chineses. O portal inglês também havia criticado a China por supostamente esconder as origens da Covid-19.

O ministro britânico das Relações Exteriores, Dominic Raab, qualificou a proibição de “atentado inaceitável contra a liberdade de imprensa” e assegurou que “só prejudicará a reputação da China aos olhos do mundo”.

BBC

BBC (Foto: Olivia Harris/Reuters)

Leia mais

Leia também