Após intenso tiroteio, bairro Jesus de Nazareth, em Vitória, é cercado pela polícia

 

Após troca de tiros, policiais cercam bairro Jesus de Nazareth em Vitória — Foto: Reprodução/ TV Gazeta
Após troca de tiros, policiais cercam bairro Jesus de Nazareth em Vitória — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

 

O Bairro Jesus de Nazareth, em Vitória, foi cercado por viaturas da Polícia Militar após uma intensa troca de tiros entre policiais e criminosos, no início da manhã desta quinta-feira (25). Durante a madrugada, houve também uma tentativa de incêndio a um ônibus na região. As informações são da TV Gazeta.

Em função disso, a Avenida Beira Mar foi interditada nos dois sentidos por cerca de 40 minutos. Moradores da região foram orientados a esperar pelo transporte coletivo em outros pontos. As vias foram liberadas por volta de 6h20.

De acordo com informações da Polícia Militar, o confronto começou no início na noite desta quarta-feira (24), quando, por volta das 23h30, houve uma intensa troca de tiros no bairro. Durante a operação, foram apreendidas armas e rádios comunicadores.

Polícia apreende arma, drogas e radiocomunicadores em operação em Vitória — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Polícia apreende arma, drogas e radiocomunicadores em operação em Vitória — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Um homem, que estaria atirando contra a polícia, foi baleado. Ele foi levado para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência, mas acabou morrendo na unidade.

Horas mais tarde, por volta das 5h desta quinta (25), suspeitos tentaram incendiar um ônibus na Avenida Beira-Mar. Moradores da região afirmam que acordaram com os gritos de passageiros que estavam dentro do coletivo. Imagens registradas por eles mostram as chamas dentro do veículo e também no ponto de ônibus.

Criminosos tentaram colocar fogo em uma ônibus durante o confronto, em Vitória — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Criminosos tentaram colocar fogo em uma ônibus durante o confronto, em Vitória — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

A suspeita é que a tentativa de incêndio ao veículo, que ocorreu quase em frente à sede da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), tenha sido uma represália à morte do homem baleado durante o confronto com a PM.

Após o ataque ao ônibus, houve uma nova troca de tiros entre policiais e homens armados na entrada do bairro. Logo depois, mais viaturas da PM chegaram para reforçar a segurança no local e a Avenida Beira-Mar foi interditada.

Segundo policiais que atuam na região, criminosos estão com armas longas na parte mais alta de Jesus de Nazareth. Policiais do Companhia Independente de Missões Especiais (Cimesp) reforçam o policiamento no local .

 

Leia mais

Leia também