Após decisão da Anvisa, Espírito Santo aguarda orientação de ministério para começar a vacinar 393 mil crianças

Compartilhe

 

Após a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de autorizar a aplicação da vacina da Pfizer contra Covid-19 em crianças de cinco a 11 anos, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) do Espírito Santo aguarda orientações do Ministério da Saúde para iniciar a vacinação do grupo, que é constituído de 393.089 pessoas no estado.

Em nota enviada ao g1, a Sesa disse que apoia a decisão da Anvisa e que já previa a possibilidade de haver autorização de vacinas para crianças até o final de 2021.

Segundo a secretaria, a imunização de crianças é fundamental para protegê-las e permitir o alcance de 90% de cobertura vacinal da população total.

“Vacinas são seguras, eficazes e devem ser disponibilizadas para toda a população. A imunidade de rebanho não é opção de saúde pública para nenhuma faixa etária”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes.

 

Leia também

Saiba como evitar acidentes graves com uso de panela de pressão

Para muita gente que cozinha ou que quer cozinhar, a panela de pressão é um dos utensílios mais...

SEMANA DA ENFERMAGEM: Piso salarial é conquista histórica e valoriza profissionais

Os profissionais da enfermagem de todo Brasil têm muito a comemorar nesta Semana da Enfermagem, iniciada nesta quinta-feira...

Colatina: assaltante agride comerciante e foge levando R$ 10,00

Um comerciante de 59 anos foi agredido com um banco de madeira durante um assalto ao bar dele,...

Mega-Sena: prêmio de R$ 35 milhões será sorteado hoje (14)

O prêmio para o Concurso 2.481 da Mega-Sena, a ser realizado na noite deste sábado (14), é estimado...

Congresso promulga emenda da idade limite para nomeação de magistrados

O Congresso Nacional promulgou hoje (17) a emenda à Constituição que eleva de 65 para 70 anos a...

Semana Nacional dos Museus começa nesta segunda

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) disponibilizou a programação da 20ª Semana Nacional dos Museus. O evento ocorre...

REIQ: Revogação trará insegurança jurídica, afirma presidente da Abiquim

A revogação do Regime Especial da Indústria Química (Reiq), proposta pela medida provisória 1.095/2021, pode provocar insegurança jurídica...