Após 34 dias na UTI, Doda recebe alta do Hospital Roberto Silvares

Uma notícia para lá de esperançosa e emocionante para Nova Venécia. Quem estava torcendo pela melhora do Douglas Pereira Pinto, 51 anos, mais conhecido como Doda, já pode comemorar. O feirante teve alta do Hospital Dr. Roberto Arnizault Silvares (HRAS), nesta última terça-feira (05), após passar por tratamento da Covid-19. Agora, ele encontra-se em reabilitação no Hospital São Marcos, em Nova Venécia, ainda sem previsão de alta. As informações são da Rede Notícia.

“Eu não tenho nem palavras para descrever, foi um milagre. Estamos muito felizes! Nesse tempo todo, eu acreditei que ele voltaria, me apeguei a Deus. Todos os dias eu rezei os Terço pela Divina Misericórdia, assisti à lives Clamando pelo Sangue de Jesus, e o Terço do Santo Rosário”, comemora a esposa do veneciano, Daniela Gomes de Aguiar Pereira.

Doda ficou 34 dias internado na Unidade de Tratamento Intensiva (UTI), do HRAS, sendo 21 deles intubado, e precisou passar por traqueostomia e hemodiálise, por ter tido um dos rins acometido.

De acordo com a esposa, o marido além de ser obeso, é pré-diabético, e foi transferido do Hospital São Marcos, local onde teve os primeiros atendimentos, já intubado e com 80 % dos pulmões comprometidos. “Antes de ele ser intubado rezamos juntos, fizemos o sinal da cruz e falei que estava tudo certo, que iria ficar tudo bem, para termos fé”, conta Daniela.
Ainda, a esposa relata que Doda foi possivelmente contaminado, após ter contato com uma pessoa que estava com Covid-19, sendo diagnosticado com a doença cinco dias depois.

A Rede Notícia aproveita para parabenizar todos os profissionais dos hospitais Roberto Silvares e São Marcos, que estão e estiveram envolvidos na cura do Doda e de todos os pacientes, ao longo dessa pandemia. Agora, resta a Daniela, o filho Gustavo, 9, familiares, amigos e conhecidos do Doda, a comemorar. Bom retorno, Doda!

 


Leia mais

Leia também