Antecipado calendário de crédito e de saques da segunda parcela

Compartilhe

O Governo Federal anunciou a antecipação do calendário de crédito e de saques do Auxílio Emergencial 2021 para o público inscrito via canais digitais e via Cadastro Único. A mudança permite que mais de 29 milhões de famílias elegíveis tenham acesso mais cedo aos recursos extraordinários repassados para reduzir impactos econômicos e sociais do novo coronavírus. O mesmo procedimento já havia sido adotado para permitir o acesso mais cedo à primeira parcela.

O início dos repasses em conta digital continua previsto para 16 de maio (domingo) para os nascidos em janeiro, mas o cronograma apresenta mudanças a partir dos aniversariantes de fevereiro. Originalmente, eles receberiam no dia 19. Agora, terão acesso aos recursos no dia 18. As mudanças mais significativas são para nascidos no fim do ano. Os de novembro receberiam em 13 de junho e agora terão acesso aos recursos em 28 de maio. Os nascidos em dezembro receberiam em 16 de junho e agora serão contemplados 17 dias antes, em 30 de maio.

A mudança também tem impacto nos saques em dinheiro. O calendário original previa o início da fase de saques nas contas digitais da segunda parcela do Auxílio Emergencial 2021 em 8 de junho. Pelo novo cronograma, a data passa a ser 31 de maio, para nascidos em janeiro. Da mesma forma que nos créditos em conta, a alteração é mais perceptível para os nascidos no fim do ano. Os aniversariantes de dezembro, que teriam acesso aos saques em 8 de julho, passarão a ter essa possibilidade 21 dias antes, em 17 de junho.

“O Governo Federal tem estudado cotidianamente formas de abreviar o calendário do Auxílio Emergencial, dentro de uma responsabilidade com a logística de pagamentos e sempre evitando aglomerações, para que a população tenha acesso a esses recursos com a maior celeridade possível. Essa segunda antecipação é mais um retrato de um olhar humano para as necessidades da nossa população”, afirmou o ministro da Cidadania, João Roma.

Para o público do Auxílio Emergencial 2021 incluído no Bolsa Família, nada muda. Os repasses continuarão sendo feitos de acordo com o calendário habitual do programa do Ministério da Cidadania. Em maio, o início dos repasses será no dia 18, próxima terça-feira.

Antecipado calendário de crédito e de saques da segunda parcela

A mudança permite que mais de 29 milhões de famílias elegíveis tenham acesso mais cedo aos recursos Foto: Agência Brasil

Leia também

Estados aprovam convênio e aplicam média que reduz preço do diesel

Os Estados da Federação aprovaram, nesta quinta-feira (30), o convênio que regulamenta a Lei Complementar 192/2022 e aplica...

Astrologia: é destino ou podemos escolher nossos caminhos?

  Estudo milenar que analisa a posição dos astros no céu explica sobre como funciona a ideia de destino...

PRESIDENCIÁVEIS: Ciro Gomes pretende recriar o Ministério da Indústria e do Comércio se eleito

O pré-candidato à presidência da república Ciro Gomes pretende recriar o Ministério da Indústria e Comércio, se eleito....

Transferência do capixaba Richarlison renderá quase R$ 2 milhões ao clube que o revelou

O América-MG está atento à transferência do atacante Richarlison do Everton para o Tottenham. Isso, porque o clube mineiro tem direito...

Do que os times brasileiros precisam para ir às quartas na Libertadores

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A Copa Libertadores conhecerá a partir desta terça-feira (5) as oito equipes classificadas...

Niulva Coelho é eleita Rainha Caipira durante o 1º Arraiá do Projeto Avivar na Escola João Bastos

A noite desta terça-feira, 28, vai ficar marcada pela realização do Arraiá do Projeto Avivar, na quadra da...

Fábrica de papel que será construída no Espírito Santo pode gerar 500 vagas de emprego

A construção de uma fábrica de papel do tipo tissue e conversão em Aracruz, na Região Norte do...