ANM anuncia oferta de mais de 500 áreas de pesquisa

A Agência Nacional de Mineração (ANM) publicou edital para a oferta de 502 áreas destinadas para fins de pesquisa. Segundo o documento, essas áreas de pesquisa contém minerais usados em infraestrutura e construção civil, como areia, brita, argila , cascalho e gesso. 

De acordo com o diretor da ANM, Eduardo Leão, a oferta estava suspensa desde 2016. A agência estima que, atualmente, existem mais de 57 mil áreas em sua carteira, totalizando aproximadamente 500 milhões de km², com represamento de investimentos em pesquisa e exploração. 

Em maio deste ano, a disponibilização de áreas da ANM entrou para o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) do governo federal. Todas as áreas ofertadas pela agência estão na fase de requerimento ou autorização de pesquisa.
 

Foto: Ricardo Teles/Portal Brasil

Leia mais

Leia também