André Mendonça visita Senado

O Advogado-Geral da União, André Mendonça, foi mais uma vez citado por Jair Bolsonaro como seu preferido para substituir o ministro Marco Aurélio Mello, que se aposentará do STF na próxima segunda-feira (12). Para ser aprovado para Suprema Corte, passará por uma sabatina na Comissão de Justiça do Senado e precisa obter no plenário 41 votos “sim”.

Para garantir sua aprovação, André Mendonça — classificado por Bolsonaro de “terrivelmente evangélico” — está cuidando pessoalmente do seu futuro. Na manhã dessa quinta-feira, repetiu o que fez na quarta: foi visitar os senadores que vão votar em breve a sua ida para o Supremo.

Foto: Orlando BritoFoto: Orlando Brito


Leia mais

Leia também